domingo, 7 de agosto de 2011

Loco Abreu faz 2, Botafogo goleia e acaba com embalo do Vasco no Brasileiro


Uruguaio foi o destaque da equipe de General Severiano no triunfo por 4 a 0 sobre o rival, que não perdia há um mês
O Botafogo contou com a inspiração e o faro de gol de Loco Abreu, sobrou em campo, goleou por 3 a 0 no clássico carioca pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro neste domingo e acabou com o embalo do Vasco, que não sabia o que era uma derrota já há um mês.

O atacante uruguaio fez dois dos três gols alvinegros anotados logo no primeiro tempo da partida, disputada no Engenhão, e foi o principal responsável pelo triunfo que levou a equipe a chegar aos 25 pontos e seguir na sexta posição, mas diminuir a distância para o grupo de elite, que começa com o Palmeiras, quinto (25). Líder, o Flamengo soma 33. Antônio Carlos e Herrera também balançaram as redes. 

Pelo lado vascaíno, nada muda em termos de colocação na tabela, com o clube permanecendo em quarto lugar com 27 pontos graças ao empate do Palmeiras no sábado diante do Grêmio. No entanto, a ótima série iniciada logo após o revés para o Corinthians no dia 06 de julho foi quebrada.Desde então foram cinco vitórias e um empate em seis partidas, com triunfos sobre adversários difíceis, como Internacional, São Paulo e Santos. O resultado da sequência agora interrompida foi a obtenção de 16 de 18 pontos disputados.

O time ainda viu um de seus principais jogadores, Diego Souza, ser expulso e virar baixa para a próxima partida, contra o Palmeiras no domingo, no Rio de Janeiro. Já o Botafogo volta a campo um dia antes, às 21h, contra o América-MG.O jogo - O Vasco começou recuado e só chegou na área aos cinco minutos em bola levantada na área que o goleiro Jéfferson afastou com um soco. O time de General Severiano tomava a iniciativa do jogo e acabou marcando o primeiro gol aos nove minutos. Renato cobrou escanteio do lado direito e enquanto os zagueiros vascaínos se preocupavam com Loco Abreu, o zagueiro Antonio Carlos apareceu livre e cabeceou sem chances para Fernando Prass.

O time dirigido por Ricardo Gomes partiu para o ataque e deu seu primeiro chute em direção ao gol em cobrança de falta. Diego Souza chutou e Jefferson defendeu.

Aos 15 minutos, Felipe bateu escanteio e Alecsandro, na primeira trave, desviou de cabeça e Jéfferson fez grande defesa, O time cruzmaltino continuou no ataque em busca do gol de empate com Felipe distribuindo bem o jogo. Aos 19 minutos, Jumar arriscou da entrada da área e Jéfferson defendeu sem problemas.

O Botafogo mostrava mais lentidão e Herrera, muito individualista,acabava retardando os ataques alvinegros. Aos 24 minutos, Cortês fez ótima jogada pelo meio, driblando vários adversários mas a tabela com Loco Abreu na entrada da área acabou bloqueada pela zaga cruzmaltina. Aos 26 minutos, Diego Souza, Alecsandro e Fagner fizeram bela troca de passes mas a bola acabou nas mãos de Jéfferson.

Aos 27 minutos, o Botafogo marcou o segundo gol. Cortês fez grande lançamento para Herrera que penetrou e chutou. Fernando Prass deu rebote e Loco Abreu, de pé direito, empurrou a bola para as redes. Sem outra alternativa, o Vasco tentou partir para o ataque mas esbarrava na ineficiência dos atacantes Alecsandro e Eder Luis que acabavam sempre desarmados pela defesa alvinegra.

Aos 40 minutos, o Botafogo marcou o terceiro gol. Lucas investiu pela direita e cruzou, Fernando Prass desviou e Elkeson tocou de cabeça para Loco Abreu bater de canhota para marcar seu segundo gol e o terceiro do Botafogo na partida.

O Vasco voltou para o segundo tempo com Juninho Pernambucano no lugar de Márcio Careca que estava sendo vaiado pela torcida. O volante Jumar foi deslocado para o lado esquerdo. Aos cinco minutos, Loco Abreu ganhou de Dedé pelo alto e cabeceou para grande defesa de Fernando Prass que espalmou para escanteio.

O Vasco saía para o ataque e abria espaços para o Botafogo que forçava o jogo em cima de Elkeson que atuava aberto pela ponta esquerda e impedia que Fagner saísse para o apoio. Aos 15 minutos, o Botafogo perdeu uma grande chance de marcar o quarto gol. Cortês cruzou da esquerda, a bola passou por Herrera e Loco Abreu chutou no travessão. O técnico Ricardo Gomes tirou Eder Luis e colocou o lateral Julinho em seu lugar, voltando Jumar para a proteção da zaga.

Aos 21 minutos, Diego Souza não gostou da marcação do árbitro e chutou a bola para fora. Recebeu cartão amarelo e seguiu reclamando até receber o segundo cartão amarelo e ser expulso de campo. O Botafogo tocava a bola e aos 28 minutos, depois de tabelar com Elkeson, Márcio Azevedo entrou na área, mas foi desarmado por Fernando Prass que tocou na bola e mandou para escanteio. 

Aos 32 minutos, Juninho Pernambucano cobrou escanteio rasteiro e Alecsandro completou de primeira e Jéfferson fez grande defesa. Nos minutos finais, o Botafogo apenas tocava a bola para aguardar o apito do árbitro enquanto o Vasco, sem forças para reagir, parecia preocupado apenas em evitar sofrer o quarto gol. O que não conseguiu, Aos 46 minutos, Renato roubou a bola no meio campo e deu passe preciso para Herrera bater cruzado e definir o resultado.

FICHA TÉCNICABOTAFOGO 4 X 0 VASCOLocal: Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)Data: 7 de agosto de 2011 (domingo)Horário: 18h30 (de Brasília)Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)Assistentes: Rodrigo Jóia e Dibert Moises (ambos Fifa-RJ)Cartões amarelos: Cortês, Elkeson (Botafogo); Dedé, Jumar, Diego Souza, Felipe (Vasco)Cartão vermelho: Diego Souza (Vasco)

Gols: Antônio Carlos, aos nove minutos, e Loco Abreu, aos 27 e 40 minutos do primeiro tempo; Herrera, aos 46 minutos do segundo tempo

BOTAFOGO: Jéfferson; Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês (Márcio Azevedo); Marcelo Mattos, Renato, Felipe Menezes (Lucas Zen) e Elkeson (Cidinho); Herrera e Loco AbreuTécnico: Caio Junior

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Anderson Martins e Márcio Careca (Juninho Pernambucano); Jumar, Rômulo, Felipe (Leandro) e Diego Souza; Eder Luis (Julinho) e Alecsandro
Técnico: Ricardo Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.