quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Jogo de cena?

O cenário: o deputado federal Edivaldo Holanda (PTC) candidato a prefeito de São Luis apoiado por Flávio Dino (PC do B) e tendo Tadeu Palácio (PP) como vice na chapa do jovem “pastor”. Dá para acreditar num troço desse?
Se tratando de política até que sim, mas há muitas coisas que dificultam essa engenharia, e olha que nem vou mencionar os acontecimentos das eleições de 2008 como bem fez o jornalista Gilberto Léda, no seu blog.
Politicamente é difícil imaginar o ex-prefeito Tadeu Palácio, que é suntuoso até no sobrenome, calçar as “sandálias da humildade” e dividir a chapa de Edivaldo Júnior na condição do vice-prefeito.
Um negócio desse para virar realidade passa por uma unidade entre o G5: PSB,PC do B, PP, PPS e PTC.
Mas, mesmo que José Reinaldo, o estrategista, esteja fazendo misérias para que isso ocorra, não poderá atropelar “companheiros” como, por exemplo, Roberto Rocha, que é pouco provável embarcar num trem desse.
Aliás, alguém poderia me explicar uma coisa?
É o seguinte: José Reinaldo Tavares (PSB) jura morrer de amores pelo prefeito João Castelo atualmente, até defende que Flávio Dino seja candidato somente a governador em 2014 justamente para não “melar” os planos de reeleição do tucano, de quem a oposição contaria para o enfrentar o candidato do Palácio dos Leões, certo? Mas, se Tavares opera a favor de Castelo, então por que estimula, ao mesmo tempo, o projeto Edivaldo Holanda?
Seria tudo jogo de cena?

Fonte: Robert Lobato

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.