quinta-feira, 31 de maio de 2012

Maranhense completa 110 anos de vida com muita saúde

Morador do bairro Santa Cruz completa 110 anos com muitas histórias para contar e saúde para comemorar. Nesta quinta-feira, desejamos vida longa a seu Petronílio Antônio Campos


Você consegue imaginar São Luís há 100 anos? As poucas ruas, o centro comercial, basicamente na Praia Grande, os meios de transportes, feitos em cavalos, burros, jumentos, e por bondes. As notícias, que saíam através dos rádios e das páginas dos jornais impressos. Televisão? O que seria isso? Ela só viria a surgir em meados de da década de 30 do século 20 e ainda em preto e branco. O horror da 2ª guerra mundial, o primeiro título brasileiro de campeão mundial da copa do mundo. Tudo isso parece tão distante, e com certeza, para alguns, só é possível conhecer com informações através de pesquisas... na internet.


Mas em São Luís, bem na rua 17 de Agosto, no bairro Santa Cruz, um senhor, de estatura mediana, que aparenta pelo menos uns 85 anos, sentando na entrada de sua casa, relembra todos estes episódio e conta tudo, com clareza de detalhes. Seu Petronílio Antônio Campos, que hoje completa, 110 anos vivenciou toda esta história e faz parte da evolução pela qual passou a humanidade nos últimos 110 anos.


“Eu nasci em Viana no dia 31 de maio de 1902. Casei duas vezes. Fiquei casado com minha primeira esposa por dois anos, até que nos separamos”. A separação se deu por conta da imposição da família da esposa. A sogra não suportava seu Petronílio e fez de tudo para acabar com o casamento. “Eu sofri muito com a separação. Até porque na minha família nunca tinha acontecido essa coisa de separação”, lembra em tom triste. Por conta do casamento desfeito, o então jovem Petronílio decidiu sair de Viana e não mais voltar. “Eu tinha muita vergonha do que aconteceu e por isso decidi sair de lá e não voltar”, conta. Naquele tempo, separação não era uma coisa muito bem vista.


Do segundo casamento, 11 anos depois do primeiro, vieram os três filhos que estão vivos ainda hoje (eram quatro, mas uma das filhas morreu), o mais velho está com 67 anos. A amada esposa viveu com ele por longos 59 anos e há apenas 14 dias de completar o sexagésimo ano de casamento, a ela veio a falecer, então com 82 anos. “Está com nove anos que minha esposa morreu. Mas até hoje eu sinto falta dela. A minha cama é enorme e de vez em quando acordo passando a mão do lado que ela dormia”, relata com lágrima nos olhos.


Os três filhos deram 11 netos e 16 bisnetos. Um deles, o neto Nielson Douglas, 26 anos, mora hoje com o avô e a tia, Doralice, 39 anos, que foi adotada por Petronílio quando tinha apenas quatro meses de idade. Dividem a casa ainda a cuidadora de Petronílio e os dois gatos da família. 
A cabeça do idoso é uma enciclopédia. Apesar da idade, está muito lúcido e é muito querido pelo bairro. Dona Rosa Muniz, costureira que é vizinha da família há 16 anos, é só elogios para o senhor. “Nossa, seu Petronílio é muito ativo, conversador e muito gentil. Sempre fala com todos. Dá bom dia, boa tarde, boa noite. Puxa conversa com todo mundo e aqui, todo mundo tem cuidado com ele”, esclarece.


Quando sai de casa para ir à igreja – ele freqüenta a Igreja Nossa Senhora da Consolação e faz parte do “Terço dos Homens”, que se reúne uma vez por semana para fazer orações --, seu Petronílio fala com todo mundo. E os gestos de gentileza são recíprocos, porque todos o respeitam.




Só mangue e mato


Seu Petronílio ainda lembra quando desembarcou no porto da Praia Grande, vindo do interior do Maranhão. “Foram seis dia viagem de barco. Naquele tempo não tinha ônibus, as viagens eram feitas ou de trem, ou de barco”. Ele veio com a família após passar uma temporada em Pindaré trabalhando em uma fábrica de pilar arroz. “Trabalhei lá um mês. O patrão não cumpriu com o que prometeu e eu resolvi sair de lá. Acabei vindo para cá”, diz.


Quando chegou na capital maranhense, o centro comercial era a Praia Grande. “Naquele tempo a São Luís só era cidade do Canto da Fabril pra lá. O resto tudo era lama, mangue e mato. Aqui só se andava ou de cavalo, burro, jumento ou a pé” rememora. Das lembranças daquele tempo, ele ainda guarda uma bacia de alumínio, comprado no “armazém J. Braga, na Praia Grande. A bacia foi para minha filha tomar banho”, diz. A relíquia que guarda as marcas do tempo, assim como seu dono, tem 61 anos.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Gilmar Mendes acusa Lula de ajudar 'bandidos'




Um dia depois de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negar em uma nota de apenas 184 palavras ter feito pressão sobre ministros do Supremo Tribunal Federal para adiar o mensalão, o ministro Gilmar Mendes acusou o petista de irradiador da 'central de divulgação' de boatos montada para minar o STF e abafar o julgamento dos mensaleiros.
Em 19 minutos de entrevista, Gilmar Mendes afirmou que 'gângsteres' e 'bandidos' tentam 'melar' o julgamento do mensalão. O ministro afirmou que o ex-presidente era a central de divulgação de informações, segundo ele, falsas, de que teria recebido favores do esquema comandado pelo contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira.
'Chantagistas, bandidos, desrespeitosos', repetiu o ministro, com o tom de voz alterado, durante entrevista na tarde de terça na entrada da sessão de julgamentos da 2.ª Turma do STF. Segundo ele, o objetivo do grupo de 'gângsteres' era atrapalhar o julgamento do mensalão por meio da divulgação de informações mentirosas de que a Corte estaria envolvida em corrupção.
O ministro afirmou que os 'bandidos' também tentaram fazer isso com o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que é o responsável pela acusação contra os réus do mensalão. Segundo ele, Lula seria a central das informações. 'Eu acho que ele está sobreonerado com isso. Quer dizer, estão exigindo dele uma tarefa de Sísifo.'
Mendes disse que o STF tem de julgar agora o processo aberto em 2007 contra suspeitos de envolvimento no principal escândalo de corrupção do governo Lula. 'Por que eu defendo o julgamento (em breve)? Porque nós vamos ficar desmoralizados se não o fizermos. Vão sair dois experientes juízes (Carlos Ayres Britto e Cezar Peluso terão de se aposentar no segundo semestre), virão dois novos, contaminados por uma onda de suspicácia. Por isso que o Supremo tem de julgar neste semestre, tem de julgar logo. E por isso essa pressão para que o tribunal não julgue.'
Indagado sobre o fato de o ex-ministro Nelson Jobim não ter confirmado a suposta tentativa de Lula de intimidá-lo, respondeu: 'Se eu fosse Juruna eu gravava a conversa, né? Ficaria interessantíssimo. Estou dizendo a vocês o que ocorreu. Posso ter uma interpretação errada, é um relato de uma conversa de quase duas horas. Mas os senhores sabem de uma coisa: eu não tenho a tradição de mentir. Eu posso até interpretar os fatos, mas os senhores não me viram me desmentindo ao longo da minha carreira', declarou. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

domingo, 27 de maio de 2012

Semusc é agraciada com certificado gestão nível 5

Com a presença de autoridades civis, militares e convidados especiais foi realizada, no auditório central da Universidade Federal do Maranhão (Ufma), no Campus do Bacanga, a solenidade de certificação dos representantes das organizações públicas dos respectivos níveis de gestão referentes ao Ciclo 2011. Sete instituições públicas foram selecionadas e, como prêmio e estímulo pelos relevantes resultados alcançados, receberam o reconhecimento, como as melhores organizações do Maranhão - Ciclo 2011. Destaque para a Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc), que atua na prevenção do crime e da criminalidade, fomentando a construção de uma cultura de paz no município de São Luís.

Estas organizações estão engajadas no grande desafio de modernizar e melhorar a gestão pública, segundo os parâmetros do Gespública. A solenidade de certificação é parte do calendário do reconhecimento público "Melhores do Maranhão". Antes, foi servido um café da manhã aos convidados.

O secretário municipal de Segurança com Cidadania, Luiz Carlos Magalhães, lembrou que não existe Gestão Pública eficiente sem o envolvimento do tomador de decisões. "E, nesse sentido, gostaria de agradecer ao prefeito João Castelo pelas orientações do dia a dia que norteiam as atividades de gestão da nossa Secretaria. E agradecer, especialmente, a todos os colegas que fazem a Semusc, como os da Guarda Municipal de São Luís, da Superintendência de Defesa Civil e do Centro de Ensino e Capacitação, pelo esforço pessoal e coletivo de todos, que possibilitou nossa presença neste evento".

Em seguida, o secretário apresentou aos presentes o organograma da Semusc, destacando o Gabinete de Gestão Integrada Municipal, que trabalha toda a ação que a Secretaria faz com outro órgão; a Superintendência de Inteligência, que trabalha a produção do conhecimento para tomada de decisão dentro da Secretaria; e Superintendência Adjunta Administrativo-Financeiro; uma Corregedoria e uma Ouvidoria ligadas diretamente ao secretário, que atuam nas questões de atendimento à população com relação às atividades dos servidores públicos.

Destaque ainda para a Superintendência de Defesa Civil, que atua através da Coordenação Municipal de Defesa Civil de São Luís; para a Guarda Municipal de São Luís, que este ano completa 23 anos; e o Centro do Ensino e Capacitação, criado em setembro do ano passado, através da Lei 5.508. 

Avanços - A inspetora Ana Bernadete Oliveira Costa, diretora do Centro de Ensino e Capacitação da Semusc, destacou a importância do Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (Gespública), reconhecido nacionalmente -, que "promoveu hoje, em São Luís, a Certificação 'Melhores do Maranhão' de 2012, contemplando instituições públicas municipais e estaduais que se destacaram pelas práticas gerenciais em seus processos internos na instituição, assim como também nos processos externos, junto à sociedade, que é o público alvo interessado em nossos serviços".

Observando que a Semusc foi certificada no nível 5, Ana Bernadete anunciou que "estamos reiniciando o Programa na instituição. É uma honra a participação da Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania num evento desse porte; e sermos Certificados, para nós, é ainda muito melhor, porque demonstra o comprometimento do Gestor, dos chefes setoriais e das pessoas que fazem a instituição com práticas gerenciais dinâmicas e positivas", finalizou.

Polícia tem paradeiro de Júnior do Mojó


A polícia monitora desde dezembro a movimentação do ex-vereador de Paço do Lumiar, Júnior do Mojó, acusado de ser um dos mandantes da morte do empresário Marggion Laniere, no final do ano passado.
Mojó já esteve em Fortaleza (CE), voltou a São Luís e, agora, está no Pará, segundo informações da própria cúpula da polícia maranhense.
Mesmo foragido, o ex-vereador monitora seus negócios e mantém suas empresas em atividade.
Uma delas, inclusive, venceu recentemente licitação no município de Raposa, adminsitrada pelo prefeito Onacy Paraíba.
Mesmo com toda esta movimentação, a polícia parece ter dificuldades para por a mão no acusado.
Será por quê???

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Membro do GEOP é o primeiro agente penitenciário a ser aprovado em curso do GTA


Foto J.Roberto
Claudio Marcio Teixeira Guimarães, 32 anos, foi o primeiro agente penitenciário do Brasil a ser aprovado no Curso de Operações Aéreas (COA), promovido pelo Grupo Tático Aéreo (GTA). Guimarães, que é membro do Grupo Especial de Operações Penitenciárias (GEOP), foi aprovado na 8° edição que ocorreu no dia 12 de abril e foi até 16 maio. A cerimônia de formatura, realizada na sexta-feira, 18, aconteceu mo hangar do GTA, localizado no Quartel do Comando Geral, no Calhau.    
Dos 73 que iniciaram o processo seletivo, apenas 23 profissionais foram qualificados no curso. Destes, 16 policiais militares, dois guardas municipais, seis fazem parte de outros estados e o agente penitenciário. Teixeira falou da importância de ter sido o primeiro agente conseguir ser aprovado em um curso deste nível. “A importância é imensurável. Por ser o primeiro agente aprovado digo que a sensação é incrível. Assim como eu lutei para conseguir, outros também podem alcançar esse mérito”, disse ele.
O agente penitenciário contou que o levou a querer concorrer à vaga de operador aéreo do GTA. Ele disse que após integrar o GEOP, em 2007, ficou focado no curso de operador. Entretanto, na última semana acabou lesionando o braço e sendo reprovado. “Eu quebrei o braço. Fiquei muito ruim. Era o meu sonho e estava escapando pelos meus dedos essa possibilidade de ser aprovado”, comentou Claudio.
Depois de ter a certeza que não daria mais para continuar, Guimarães não se deu por vencido. “Eu queria isso pra mim e esperei me recuperar. Quando isso aconteceu me dediquei para ser definitivamente aprovado nesse curso”, pontuou. A dedicação do agente não foi em vão. Em um mês e alguns dias de testes, treinamento e muita ralação o resultado apareceu. “Hoje, graças a Deus, eu posso dizer que conseguir ser aprovado”, comemorou Marcio.
O secretário titular da Secretaria de Estado da Justiça e da Administração Penitenciária (SEJAP), Sergio Tamer, parabenizou o esforço do primeiro agente penitenciário do Brasil a ser aprovado em um curso do Grupo Tático Aéreo. Tamer disse que a determinação do agente é simplesmente admirável. “Muito esforçado. Se fosse outro talvez tivesse desistido do alvo, mas ele insistiu. Muito admirável esse esforço. Precisamos de pessoas assim para integrarem nosso sistema de segurança”, destacou Sergio Tamer.   
O capitão do GTA, Onildo Sampaio, definiu o que é o COA. De acordo com ele, o curso capacita profissionais para trabalhar em resgates e ocorrências policiais. “Ele habilita policiais militares, civis e bombeiros a atuarem conosco no GTA resgatando vidas”, afirmou Onildo. 
Sampaio falou da importância destes homes serem aprovados neste curso. Segundo ele, quem sai ganhando com essa aprovação é o próprio GTA e a segurança pública do Estado do Maranhão. “O GTA efetua um excelente trabalho para a população tanto na área policial quanto de resgate. E quanto mais pessoas estiverem fazendo parte disso, melhor é para todos”, concluiu.
GTA
O GTA/MA surgiu no mesmo período de início da “Operação Impacto” no Maranhão, em 1996, na qual a Polícia Federal com suas aeronaves e agentes forneceram suporte à operação. As atividades do grupamento foram regulamentadas em lei no ano de 1998, pelo decreto nº 16.687, de 4 de janeiro de 1999.
No início, o GTA contava com uma estrutura composta de um helicóptero esquilo e poucos policiais, operavam atendendo a todos os chamados em prol da Segurança Pública dos maranhenses. O embrião foi inspirado nos moldes da extinta coordenadoria geral de operações aéreas, do Rio de Janeiro.
Com os investimentos estaduais, o GTA teve um incremento considerável na sua frota de aeronaves e veículos, operando atualmente com dois aviões Cessna 210 Centurion e dois helicópteros modelos esquilo e um helicóptero modelo BK 117 C-2 (EC-145).  


Fonte: Alan Jorge ( Jornalista )    

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Militância do PDT faz grande ato em defesa da aliança com Castelo


Com o slogan “A Aliança Continua”, a militância pedetista mostrou toda a sua força em grande ato em defesa da aliança PDT-PSDB em São Luís, realizado na tarde desta quarta-feira (16), na Nova Batuque. Cerca de duas mil lideranças políticas e comunitárias de vários bairros, além de representantes da juventude e das mulheres defenderam, incisivamente, a reedição da aliança PDT e PSDB nas eleições deste ano na capital.
O prefeito João Castelo foi ovacionado pela multidão que lotou a casa de eventos. Estiveram presentes no ato figuras de grande expressão do partido como o ex-deputado Wagner Lago, a deputada estadual Graça Paz, o vereador Ivaldo Rodrigues, os secretários municipais Júlio França e Clodomir Paz, além do presidente da Juventude Socialista do PDT de São Luis, Victor Fontinelle, o presidente do Conselho Municipal de Juventude de São Luís, Ulisses Fernando, além de diversas lideranças pedetistas de modo geral.
Foto: Divulgação
Militantes do PDT fazem ato de apoio ao prefeito João Castelo
A deputada estadual Gardênia Castelo (PSDB) também marcou presença no encontro. O ato pró-aliança PDT-PSDB foi marcado por discursos inflamados. O pedetista Júlio França disse que a melhor parte do PDT é a sua militância.
“Quero dizer nesta reunião que o PDT não tem dono, pois o dono deste partido é a sua militância. Portanto, não aceitamos golpe, imposição, e por isso estamos aqui defendendo a continuidade da aliança PDT e PSDB por melhores dias para a cidade, aliança esta construída pelo nosso saudoso Jackson Lago”, asseverou.
Em seguida, o ex-deputado Clodomir Paz reforçou a fala de França e frisou que a “força viva” do PDT é a sua militância, que já conquistou, ressaltou ele, várias vitórias em São Luís e no Maranhão. “Esta aqui é uma reunião de desagravo. Não nos submetemos a violência partidária que foi feita conosco e vamos defender, até o último momento, a aliança com o PSDB”.
O mesmo posicionamento foi levantado pelo vereador Ivaldo Rodrigues, que pregou o sentimento de unidade no PDT. “Estaremos lutando até o último momento para marcharmos todos juntos. Aqueles que quiserem voltar atrás e reverter sua decisão nós estaremos de mãos dadas para recebê-los”, acentuou.
Em seu pronunciamento, o prefeito João Castelo foi ovacionado pela militância do PDT, numa demonstração de força da legenda. Agradecendo a receptividade calorosa preparada pelos pedetistas, Castelo ressaltou a importância da militância do PDT em São Luís.
“Esta é uma militância séria e aguerrida, que não se intimida. Agradeço a todos pelo gesto de bondade e carinho”, reconheceu Castelo, após ser saudado sob forte animação dos presentes.
O prefeito lembrou que na eleição passada, a aliança PDT e PSDB foi formalizada com o apoio do ex-governador Jackson Lago (in memorian). “Desse modo, reconheço a coerência e a dignidade da militância do PDT em querer a permanência dessa aliança, por acreditarem em políticas comprometidas e sérias a favor do povo”, afirmou João Castelo. (Blog do John Cutrim - Portal JP)

Professores da UFMA entram em greve na próxima semana



Foto: Reprodução
SÃO LUÍS - Professores da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) decidiram, em assembleia geral realizada terça-feira (15), aderir à greve nacional da categoria, por tempo indeterminado, organizada pelo Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes). Os docentes paralisarão as atividades a partir desta segunda-feira (21).
Em comunicado dirigido à comunidade acadêmica, a Associação dos Professores da UFMA (Apruma) informou sobre a adesão dos docentes da instituição ao movimento grevista. No informe, a entidade também ressalta que eventuais atividades que sejam consideradas essenciais deverão ser assim entendidas e negociadas entre a UFMA e o comando local de greve, considerando suas especificidades.
Tendo como referência a pauta da Campanha 2012 dos professores federais, aprovada no 31º Congresso do Sindicato Nacional e já protocolada junto aos órgãos do governo desde fevereiro, os docentes reivindicam a reestruturação da carreira, prevista no acordo firmado em 2011 e descumprido pelo Governo Federal.
Reivindicações
A categoria pleiteia carreira única, com incorporação das gratificações em 13 níveis remuneratórios, variação de 5% entre níveis a partir do piso para regime de 20 horas correspondente ao salário mínimo do Dieese (atualmente calculado em R$ 2.329,35), e percentuais de acréscimo relativos à titulação e ao regime de trabalho.
Os professores também querem a valorização e melhoria das condições de trabalho dos docentes nas universidades e institutos federais e atendimento das reivindicações específicas de cada instituição, a partir das pautas elaboradas localmente. A Apruma observa que estas são reivindicações históricas da categoria e que a reestruturação da carreira vem sendo discutida desde o segundo semestre de 2010 sem registrar avanços efetivos.
O acordo emergencial firmado entre o Sindicato Nacional e o governo no ano passado estipulava o prazo de 31 de março para a conclusão dos trabalhos do grupo, constituído entre as partes e demais entidades do setor da educação para a reestruturação da carreira.
A Apruma diz que por diversas vezes o Andes cobrou do governo uma mudança na postura e tratamento dado aos docentes, exigindo agilidade no calendário de negociação, o que não ocorreu. A precariedade nas Instituições Federais, em diversas partes do país, principalmente nos campi criados com a expansão via Reuni, também vem sendo denunciada pelo sindicato nacional.

Fonte: O Estado do Maranhão 

Rosário, Tutoia e Timon estreiam com vitória

A arena montada em Morros foi palco de bons jogos no 1º dia de disputas do Maranhense de Beach-Soccer.



MORROS - Três partidas abriram o Campeonato Maranhense de Beach-Soccer na noite dessa quarta-feira (16). A arena montada na cidade de Morros foi palco de bons jogos no primeiro dia da principal competição estadual da modalidade. E o torcedor local que foi à arena para ver uma vitória do time da casa saiu decepcionado. A equipe de Morros estreou com derrota por 3 a 2 para Timon.
Antes dos anfitriões entrarem em quadra, outras duas partidas haviam sido realizadas. A equipe de Rosário sofreu, mas conseguiu derrotar Humberto de Campos por 4 a 3 nos pênaltis após empate por 2 a 2 no tempo normal e na prorrogação.
Na outra partida da noite, Tutoia, atual tricampeão do torneio, começou muito bem a sua caminhada rumo ao quarto título consecutivo com uma vitória por 5 a 3 sobre Raposa.
A primeira fase do Campeonato Maranhense de Beach-Soccer, competição promovida pela Federação Maranhense de Beach-Soccer (FMBS) e que tem o apoio da Prefeitura de Morros, termina somente nesta sexta-feira (18).
Jogadores de Tutoia comemoram gol diante de Tutoia. (Foto: Divulgação)
Jogos emocionantes
Com a presença do presidente da FMBS, Eurico Pacífico, e da prefeita de Morros, Silvana Alves, o Campeonato Maranhense de Beach-Soccer foi aberto em grande estilo. Diante de um excelente público, Rosário e Humberto de Campos fizeram o jogo de abertura.
A partida foi equilibrada do início ao fim, tanto que os gols foram marcados somente no último período. Jaudo abriu o placar para Rosário: 1 a 0. Na sequência, Joza e Javison viraram para Humberto de Campos, mas no fim, Jaldenir igualou o placar em 2 a 2 e levou a disputa para a prorrogação. Após novo empate no tempo extra, o vencedor só foi conhecido nos pênaltis e melhor para Rosário que fez 4 a 3 e estreou vencendo na competição.
No segundo jogo da noite, Tutoia confirmou seu favoritismo e derrotou a equipe de Raposa por 5 a 3. Após empate no primeiro período em 1 a 1, Tutoia abriu larga vantagem no período seguinte ao assinalar 4 a 2. No terceiro período, o atual tricampeão maranhense administrou o jogo e confirmou o triunfo por 5 a 3. Os destaques do jogo foram Igor, autor de dois gols, e Eudim, que marcou um.
Lance de Morros x Timon. (Foto: Divulgação)
E, encerrando a rodada, o jogo mais aguardado para o torcedor de Morros. A equipe da casa encarou Timon. Apesar da festa das arquibancadas, Morros foi derrotado por 3 a 2 de virada.
Os donos da casa abriram o placar no primeiro período com um golaço de Roberto. No segundo período, Antônio José e Francisco Junior colocaram Timon em vantagem. A equipe de Morros ainda reagiu no terceiro período com mais um gol de Roberto, mas Francisco Junior fez o terceiro de Timon e deu números finais ao jogo: 3 a 2.
Fórmula de disputa
Na primeira fase, foram formados dois grupos com três equipes em cada um. Os times do Grupo A enfrentam os do Grupo B, se classificando para as semifinais os dois melhores de cada chave.
A equipe de Morros ficou no Grupo B ao lado de Humberto de Campos e Raposa. Na outra chave, está Rosário, Timon e Tutoia, atual tricampeã do Campeonato Maranhense.
GRUPOS
Grupo A: Rosário, Timon e Tutoia
Grupo B: Humberto de Campos, Morros (sediante) e Raposa
TABELA
Quarta-feira (16.05)
Rosário 2 (4p) x (3p) 2 Humberto de Campos
Tutoia 5 x 3 Raposa
Morros 2 x 3 Timon
Quinta-feira (17.05)
19h – Timon x Raposa
A seguir – Tutoia x Humberto de Campos
A seguir – Morros x Rosário
Sexta-feira (18.05)
19h – Rosário x Raposa
A seguir – Humberto de Campos x Timon
A seguir – Morros x Tutoia
Sábado (19.05)
19h – Semifinal 1
A seguir – Semifinal 2
Domingo (20.05)
10h - Final

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Nova Direção do PV em Raposa-MA

Em clima de festa foi enpossada nova direção doi PV Partido Verde em Raposa - MA, foi eleitos os seguintes membros
Presidente- Felix Marques Moreira
Vice-Presidente- Antonio José Gonçalves
2º Vice-Presidente- Gilson dos Santos (Gilson do Combique).
Secretário- Francisco Lazaro 
2º Sec. Joaquim Souto