segunda-feira, 4 de junho de 2012

Cobrador da Taguatur é assassinado na Praça do Bacanga


Antônio José Almeida foi atingido com um tiro no peito esquerdo por um homem que queria passar a catraca com uma carteira de outra pessoa. Por causa do crime, os rodoviários interditaram a Av. dos Portugueses.
Um cobrador da empresa Taguatur foi assassinado por volta das 16h30 desta segunda-feira (4).

O crime aconteceu na Praça do Bacanga, na Vila Bacanga. O cobrador, identificado como Antônio José Almeida Ferreira teria sido atingido com um tiro no peito esquerdo, disparado por um homem a quem teria impedido de passar a catraca do ônibus usando a carteira de outra pessoa. O cobrador morreu na hora.
 O corpo encontra-se no Instituto Médico Legal (IML).
 Por conta do assassinato, o Sindicato dos Rodoviários faz nesse momento uma manifestação na Avenida dos Portugueses. Os rodoviários fecharam a via, impedindo a passagem de veículos.
 Fonte: O Imparcial 
Aguarde mais informações!

2 comentários:

  1. essa impunidade tem q acabar,a falta de segurança faz com q essa cambada de marginais ande armados praticando crimes, nós cidadões não podemos andar armados para nos defender-mos porque essas leis do nosso país só favorece o bandido, ex:direitos humanos, da todo direito para q o bandido fique respaudado, lei do desarmamento q desarmou o cidadão e favoreceu o bandido; tá tudo errado, está na hora de fazer justiça com as proprias mãos!

    ResponderExcluir
  2. esse bandido tem que morre tirando pedasso por pedasso odeio bandidos nos que samos trabalhaldor estamos a mercer desse marginais eu mataria ele sem pena e sem piedadade

    ResponderExcluir

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.