segunda-feira, 11 de junho de 2012

PARA REFLETIR:VOTO É INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO

Ano bissexto com uma eleição a caminho, politicamente, Raposa em 2012 promete grandes emoções, e nós, a sociedade, devemos nos preparar para ouvir atentamente os discursos, as propostas e as promessas mirabolantes que sempre são feitas em épocas eleitorais, por isso, precisamos estar atentos a essas coisas e tirar conclusões concretas para um voto consciente, responsável e de qualidade. Certamente, que os atores dessa jornada cívica e democrática que se iniciou no ano passado de forma tímida, e ganha intensidade a partir de agora, disputando a prefeitura, e as vagas  para a câmara municipal, por isso, todo o cuidado é pouco para não se deixar enganar pelos fáceis discursos, que na maioria das vezes não passam de falácias. Por ser um ano político, talvez ocorram por parte dos governos, feitos e realizações acima da média, fato considerado natural na política em ano eleitoral, e este fato, também deverá merecer a nossa atenção, ou melhor, uma indagação. Porque será que em ano eleitoral os governantes realizam mais e tem mais carinho pelo povo? A resposta é a mais simples possível. Uns querem se reeleger, outros eleger os seus sucessores e todos desejam maioria nas casas legislativas, daí o trabalho redobrado para conquistar votos e nada mais, até porque, realizar, deve ser a função principal dos governantes, em todos os níveis.Coisas de políticos e da política. Conhecidos “caciques políticos”, acompanhados de novatos que também desejam o pódium, estarão nessa luta "democrática". Preste muita atenção nos candidatos, nos seus comportamentos, nas suas histórias, procurem saber como convivem nas suas comunidades,com suas famílias,observem seu passado,a atuação nos seus bairros, nas suas ruas, como são com os seus amigos etc. e a partir desse conhecimento básico de quem está querendo o seu voto, a decisão poderá ser maisfácil, consciente e responsável. 


VEREADOR - Cuidado. Não se deixe iludir por tapinhas nas costas, “abraços de tamanduá”, falsas promessas e falácias, e lembre-se, vereador não constrói nada, por isso não acredite em promessas de construção de escolas, asfaltamento de ruas, creches e por aí vai. A função do vereador é legislar, fiscalizar os atos e votar as prestações de contas do Executivo e reivindicar, mas reivindicar muito em favor da sociedade para que o prefeito execute os projetos por eles criados. Não esqueça isso. Vereador bom não é aquele que pratica oassistencialismo em troca do voto, vereador bom é aquele que se preocupa em tirar o eleitor deste circulo vicioso, dando-lhe a oportunidade de qualificação, promovendo projetos para geração de empregos ou seja, fazendo com que cada cidadão não dependa de político para vender-lhe o voto.  Vereador deve ir atrás de projetos e lutar pela execução destes, vereador fala na Câmara e sugere, pede.

VOTO RESPONSÁVEL - Um processo eleitoral como o que estamos entrando, não adianta nada o cidadão descontente com os políticos atuais, como forma de protesto, votar por votar ou pior, deixar de participar do processo, isso só piora tudo, o nosso futuro é o nosso voto. Isso não deve ocorrer, a participação de todos é importante, até porque, a responsabilidade pelas eleições do próximo prefeito e dos vereadores, será inteiramente nossa, e quem não participa, se omite,só piora a situação,além de  deixar espaço para outros decidirem por nós.... Pense nisso.

SAIBA DISCERNIR O JOIO DO TRIGO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.