segunda-feira, 9 de julho de 2012

Candidatos já começam a corrida atrás do voto pelas ruas de São Luís


Final de semana de campanha.
 (DIVULGAÇÃO)
Este foi o primeiro fim de semana de campanha eleitoral nas ruas de São Luís. Dos candidatos a prefeito, uns colocaram o bloco na Rua e outros preferiram as reuniões estratégicas.Washington Oliveira (PT), Edivaldo Holanda Júnior (PTC), Haroldo Sabóia (PSOL) e Marcos Silva (PSTU) foram o para o corpo a corpo com o eleitor. João Castelo (PSDB), Tadeu Palácio (PP) e Eliziane Gama (PPS) preferiram as reuniões e articulações neste primeiro momento.

O vice-governador Washington Oliveira (PT) colocou a campanha na rua ontem mesmo.Na sexta-feira ele ainda acertou os detalhes da campanha. No sábado, esteve reunido com lideranças da igreja da Assembleia de Deus pela manhã e com os partidos aliados à tarde. No domingo, a jornada começou cedo, com uma caminhada na feira do João Paulo, parando as compras dos populares. À tarde, Washington participou de uma missa no ginásio Castelinho, com cerca de 4 mil pessoas.

O atual prefeito João Castelo (PSDB) ainda articula sua agenda de campanha. Segundo a Assessoria de campanha do prefeito, ele esteve organizando a parte burocrática da campanha, tirando fotos com o candidato a vice, deputado Neto Evangelista (PSDB) e organizando documentação para o CNPJ. 

 (DIVULGAÇÃO)
O candidato Edivaldo Holanda Júnior (PTC) promoveu uma caminhada na Rua Grande, Centro comercial de São Luís. 'Tudo está sendo espontâneo. Muitos amigos foram chamados e outros que passavam pela Rua Grande se juntaram a nós, o que mostra a receptividade das pessoas com nossa candidatura', afirmou Edivaldo. No sábado, o candidato teve uma carreata com cerca de 50 carros na área Itaqui-Bacanga. Ontem, ele apenas esteve reunido com a coordenação de campanha elaborando as atividades do restante deste mês.

Tadeu Palácio (PP) preferiu as reuniões. No sábado, esteve com a equipe definindo as músicas e jingles de campanha, que terá o slogan "Volta Tadeu". No domingo,participou de reuniões comunitárias, estando com representantes do movimento Negro (Unegro) e na Cidade Olímpica.

Eliziane Gama (PPS) também preferiu as reuniões. No sábado, ele esteve reunida com membros do PPS e com candidatos a vereador na sede do partido. No domingo, partiu para as comunidades. Esteve com lideranças comunitárias do povoado Laranjal, em Pedrinhas pela manha, e na Vila Brasil à tarde. 
Marcos Silva (PSTU) também começou no corpo a corpo com o eleitorado logo na sexta-feira, com entrega de panfletos na Praça Deodoro e um carro de som falando das propostas do partido. Mas depois os socialistas-trabalhistas-urbanos esfriaram a campanha. Passaram o fim de semana sem programação e se reúnem hoje para definir a estratégia dos próximos dias e formular a agenda.

 (DIVULGAÇÃO)
Cerca de 50 militantes da coligação 'São Luís, o caminho é pela esquerda' (PSOL-PCB) marcaram presença neste domingo na Parada do orgulho LGBT de São Luís. Os militantes ocuparam um trecho da Avenida Litorânea, na praia de São Marcos, com bandeiras estampadas com o símbolo do PSOL-50 para mais uma atividade de rua da campanha do candidato a prefeito de São Luís nas eleições deste ano, Haroldo Saboia (PSOL).

Foi a segunda manifestação de rua da coligação. Haroldo Saboia acompanhou a militância partidária durante a mobilização, distribuindo panfletos e conversando com a população presente na maior concentração espontânea que acontece anualmente na cidade. 

'Estamos aqui porque o PSOL é o partido que luta contra a homofobia. A população de São Luís demonstrou mais uma vez que sabe lutar pelos direitos individuais e sociais. O sucesso da parada do orgulho LGBT relembra muito bem que os maranhenses, cada vez em maior número, são contra a homofobia e toda sorte de preconceito e exclusão', disse Haroldo Saboia. O PSOL tem em seus quadros uma das principais vozes da atualidade contra a homofobia no país, o deputado federal Jean Wyllys.

Não foram enviadas informações da Assessoria do PRTB sobre a campanha de Ednaldo Neves. O Imparcial tentou contato telefônico com o candidato, mas o celular estava fora de área.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.