domingo, 14 de outubro de 2012

Eliziane como 3ª Via em 2014



Muito mais do que a neutralidfade em 2012, a posição da deputada Eliziane Gama (PPS) nas eleições de São Luís projeta a disputa atual para 2014.
Vendo Edivaldo Holanda Júnior (PTC) como despreparado, extremamente apadrinhado e com as más companhias que ela criticou em João  Castelo (PSDB) - e sem poder apoiar o prefeito após o longo histórico de críticas, ela optou pela neutralidade – que deve ser anunciada segunda-feira
- Nós não podemos mais viver nesta dicotomia eterna entre o grupo Sarney e a oposição ao grupo Sarney. É preciso criar opções ao eleitor - definiu a parlamentar.
É exatamente esta a senha do gesto de Eliziane.
A deputada acha que há espaço para uma 3ª via, formada por partidos fora da base do governo Roseana Sarney (PMDB) e os não-alinhados à oposição pseudo-esquerdista capitaneada pelo ex-deputado Flávio Dino (PCdoB).
- Imagine um grupo formado por PSDB, PPS e PP, por exemplo? São partidos com mais de 5 minutos de tempo de TV, que podem fazer diferença numa disputa estadual - apontou ela.
Embora não se veja como canidata ao governo, a deputada não descarta esta possibilidade, se conseguir unir, no mínimo, as três legendas já citadas.
- É preciso observar as oportunidades. E o eleitor já disse que há espaços para um terceiro grupo para além destes dois que se digladiam pelo poder - frisou.
No mínimo, pensa a deputada, a coliugação elegeria uma forte bancada à Câmara Federal e à Assembleia, que fariam o contraponto aos dois grupos hoje hegemônicos.
São conceitos de Eliziane Gama. Passos e idéias de quem tem planejamento – e que não surgiu como invenção de padrinhos ou papais.
Exemplo típico de 3ª via.

Fonte: Marco D"eça

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.