terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Decisão do desembargador poderá deixar mandantes do caso Décio em liberdade

O habeas corpus concedido pelo desembargador Raimundo Nonato de Souza determinando o cancelamento de todos os julgamentos das oitivas de testemunhas do caso Décio Sá, deixou a vida de jornalistas em perigo.
A decisão do desembargador poderá deixar os mandantes do assassinato do jornalista Décio Sá respondendo pelo crime em liberdade.
Ai, meu amigo, qualquer jornalista destemido – que segue a linha de investigação, corre risco de vida com esses bandidos soltos. E isso é fato.
As oitivas do julgamento só poderão acontecer depois do carnaval, sendo assim os advogados dos acusados podem alegar o fim do prazo – que encerra no dia 31 deste mês, e entrar com um habeas corpus pedindo a soltura dos criminosos.
Imagens registradas pelo fotógrafo Manoel Costa:
Com os acusados da morte de Décio Sá soltos, salve-se quem puder, porque, ao que parece, se depender da Justiça. Ou melhor, do desembargador Raimundo Nonato, todos os jornalistas estarão ferrados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.