quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Hoje Prefeitura de Raposa efetua pagamento do mês de Fevereiro.


O prefeito de Raposa conseguiu hoje uma proeza. Depois de receber uma prefeitura com alguns problemas pela administração do então prefeito anterior Paraíba, o atual prefeito, Clodomir Oliveira (PRTB), colocou em dias a folha de pagamento do funcionalismo. Para isso, a prefeitura precisou se organizar par pagar os salários de fevereiro. O primeiro pagamento referente ao mês de janeiro foi realizado no dia 10 do mês de Fevereiro e hoje, 1º de Março, foi pago fevereiro.
 A regularização da folha de pagamento da prefeitura foi fruto de um trabalho minucioso, onde a prioridade eram os servidores, que dependem do salário para seu sustento e esse dinheiro que é o responsável pela economia do município.
 A atitude do prefeito Clodomir Oliveira comprova que o compromisso da administração atual é o comprometimento com a população de Raposa.

MP apura denúncias na Raposa

Em nota enviada, o Ministério Público informa que ainda não recebeu nenhuma denúncia da contratação de pessoas não habilitadas para preenchimento de cargos como diretora de escolas na cidade de Raposa.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em razão das informações contidas no texto “Agora lascou: Raposa contrata cabeleireira como diretora de escola”, de autoria do jornalista Luís Cardoso, o promotor de justiça Reinaldo Campos Castro Júnior, titular da Promotoria de Justiça da Comarca de Raposa, esclarece que não foi formalizada junto ao Ministério Público nenhuma denúncia sobre contratação irregular de servidores ou contratação irregular de empresas ligadas ao ex-prefeito do município.

Ao tomar conhecimento das denúncias por meio do blog, o promotor abriu procedimento investigatório para apurar as informações do texto, já tendo expedido ofício para o prefeito Clodomir Oliveira, solicitando esclarecimentos sobre o assunto.

Coordenadoria de Comunicação

Ministério Público do Maranhão

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Roseana ajusta calendário do PAC com ministras Gleisi Hoffmann e Míriam Belchior


Em reunião que durou duas horas, a governadora do Maranhão, Roseana Sarney discutiu com as ministras Gleisi Hoffmann, da Casa Civil, e Míriam Belchior, do Planejamento, Orçamento e Gestão, o desembolso de recursos do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC), e do Tesouro Estadual, para as etapas finais da construção da Avenida IV Centenário, entre a Avenida dos Franceses e a Camboa, em São Luís. O encontro ocorreu, nesta quarta-feira (27), no Palácio do Planalto, em Brasília.
A governadora estava acompanhada dos secretários de Estado do Planejamento e Orçamento, João Bernardo Bringel; chefe do Gabinete Militar, coronel José Ribamar Vieira; e de Comunicação Social, Sérgio Macedo. Na ocasião, a governadora e as ministras ajustaram para o mês de setembro a inauguração da nova via.
“Essa obra é muito importante para os moradores da área e para toda a cidade de São Luís, pois vai criar uma alternativa de acesso ao Centro da capital, desafogando o trânsito e também melhorando a qualidade de vida de todos nós”, declarou a governadora.
A Avenida IV Centenário tem recursos compartilhados do Governo Federal e do Governo do Maranhão e faz parte do Programa PAC-Rio Anil. Só neste ano, o Tesouro Estadual desembolsará cerca de R$ 117 milhões para a conclusão das obras.

        Planejamento
Com a titular do Planejamento, Roseana Sarney tratou, também, do desembaraço de um terreno pertencente à Fundação Nacional do Índio (Funai), no Cohafuma. O problema comprometeu a continuidade da Via Expressa. Depois de ouvir o relato da governadora, a ministra Míriam Belchior comprometeu-se a estudar uma solução imediata para a questão.
Na noite desta quarta-feira (27), a governadora Roseana Sarney também participou de um jantar em homenagem ao senador José Sarney. O encontro foi organizado pelo vice-presidente Michel Temer, no Palácio do Jaburu, residência oficial da Vice-Presidência. A presidenta da República, Dilma Rousseff, também compareceu ao jantar.
E a governadora Roseana continua em Brasília nesta quinta-feira (28). A agenda prevê compromissos como uma reunião com técnicos do Ministério do Planejamento, quando serão discutidas questões relacionadas a outras obras do PAC no Maranhão, a exemplo do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida.


Luis Fernando anuncia reforma total da Barragem do Bacanga


O secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, informou, nesta quarta-feira (27), que equipes técnicas da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) têm realizado inspeções semanais na área da Barragem do Bacanga e que tanto a estrutura física das obras civis, quanto a parte mecânica delas, apesar de deterioradas não apresentam qualquer risco de desmoronamento ou de inundação das áreas ribeirinhas.
Segundo ele, a Sinfra tem conhecimento dos “problemas pontuais” da área, mas um projeto de recuperação completa já foi licitado pelo Governo do Estado e deve estar pronto em, no máximo 90 dias.
“A Barragem do Bacanga está sendo monitorada pela Sinfra e não aponta risco de desmoronamento das obras civis, nem de inundação da área protegida pelas comportas. Agora, ao invés de ficar resolvendo problemas pontuais, o Governo do Estado tomou, ainda, na administração do deputado Max Barros, uma medida importante de fazer um projeto de recuperação de obras civis e da parte mecânica da Barragem para que se faça uma intervenção de modo integral. O projeto já está em andamento. Estima-se que esteja pronto em 90 dias e, em seguida, será feita a licitação para que as obras, tanto civis, quanto mecânicas, indicadas no projeto sejam realizadas”, anunciou.
De acordo com o secretário, além das vistorias a cada sete dias, a Sinfr, também, já decidiu que, após a reforma, será licitado um contrato de manutenção preventiva e corretiva para se garantir a vida útil da barragem. O objetivo, explica, é evitar surpresas desagradáveis. “A governadora Roseana tomou uma decisão importante, de recuperar integralmente a Barragem. Após isso, será feito um contrato de manutenção preventiva e corretiva para que a Barragem nunca mais fique na situação em que se encontra e que nunca mais a população e o próprio Governo sejam tomados de surpresa com problemas de mal funcionamento”, esclareceu.

SSP apresenta quadrilha de traficantes com 121 quilos de maconha

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) apresentou, no fim da tarde desta terça-feira (26), quadrilha de traficantes responsável por abastecer a área do Parque Vitória, na Região Metropolitana de São Luís. Com o grupo, a polícia apreendeu 121 quilos de maconha prensada.
De acordo com o secretário de Estado de Segurança Pública, Aluísio Mendes, a droga é proveniente do Paraguai devido a alta concentração de pureza, o que possibilita ao usuário maior sensação alucinógena. “As características químicas da droga bem como o tipo de prensa usada e a embalagem batem com as mesmas produzidas no Paraguai. Este tipo de entorpecente causa um vício maior no dependente”, afirmou.
A prisão da quadrilha foi resultado de operação desencadeada pela Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), 7º DP, e policiais militares do 08º BPM.
Ao todo, nove pessoas foram presas em um sítio, localizado no Alto do Turu, nas proximidades do Parque Vitória. Além dos 102 tabletes de maconha prensada, pesando aproximadamente 121 quilos, foram apreendidos três veículos, sendo uma Tawene e duas motocicletas Titan 350, fruto de roubo; uma escopeta calibre 12 cano duplo; uma balança de precisão e 6 celulares.
Participaram também da coletiva, a delegada geral da Polícia Civil, Maria Cristina de Meneses, o superintendente da Capital, delegado Sebastião Uchoa, e o titular da DRFV, Paulo Hertel, entre outros gestores da SSP.

Presos
Foram Presos: Cristiano Braga de Sousa, 28 anos, morador da Via Local, 305, quadra 305, casa 10, Parque Vitória; Erivan Brito de Santana, 33 anos, residente da Rua da Fraternidade, casa 33, Vila Cruzado, Fialho; Walternilsom Almeida Martins, 26 anos, morador da Vila Local, 308, quadra 308, casa 5, Parque Vitória; Erickson Douglas Pires Brito, 18 anos, morador da Rua Nossa Senhora da Vitória, 5, Turu; Luís Fernando Silva Paixão, 45 anos; Joinvile dos Santos Melo, 21 anos; Jamilson dos Santos Galeiro, 28 anos; morador do Alto do Turu; Adenilton Pinheiro Costa, 29 anos, da Cidade Operária; e Hugo Dutra Bastos, 19 anos, do Recanto do Turu.

Vice-governador visita seis municípios do Médio Mearim


O vice-governador Washington Luiz esteve, nesta quarta-feira (26), na Região do Médio Mearim, cumprindo uma extensa agenda de compromissos nos municípios de Pedreiras, Trizidela do Vale, Esperantinópolis, Poção de Pedras, São Roberto e São Raimundo do Doca Bezerra. Acompanhado do secretário de Estado de Trabalho e Economia Solidária, José Antônio Heluy, o vice-governador foi recebido pelos gestores municipais e conversou sobre as principais demandas dos municípios.
Em Pedreiras, Washington Luiz foi recebido pelo prefeito Totonho Chicote, que destacou a importância de manter a parceria tanto com o Governo do Estado quanto com o Governo Federal para trazer desenvolvimento ao município. Na visita à princesa do Mearim, o vice-governador, que é ex-sindicalista, também teve encontro com funcionários da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e membros do sindicato dos servidores federais.
Em Trizidela do Vale, junto com o prefeito Fred Maia, o vice-governador participou da inauguração do Centro de Ressocialização Vida Nova, que atua na recuperação e ressocialização de dependentes químicos de todos os municípios da região. O projeto é uma iniciativa da Igreja Batista, com trabalho desenvolvido pelo pastor Augusto Batista. O pastor falou da importância do trabalho e agradeceu o apoio e a sensibilidade do vice-governador para ajudar esse tipo de projeto.
No município Poção de Pedras, a convite do prefeito Junior Cascaria, Washington Luiz participou de um almoço com lideranças políticas locais. O prefeito disse que a visita de Washington foi importante para aproximar sua gestão do Governo do Estado na busca por projetos para o município. “Não se pode governar sozinho é preciso parceria do Governo para trazer projetos para nossa população”, ressaltou.

Esperantinópolis
O vice-governador prestigiou, em Esperantinópolis, uma sessão na Câmara Municipal, a convite do vereador presidente da Casa, Chiquinho Boa Vontade. Participaram, também, da sessão várias lideranças políticas do município. Ao ouvir as necessidades apresentadas pelos vereadores, Washington Luiz informou que levará ao conhecimento da governadora Roseana todas as questões demandadas no município para que haja encaminhamento, dentro da realidade orçamentária do estado.
No município de São Roberto, o vice-governador foi recebido na Câmara Municipal pelo prefeito Jerry Adriani, o vice-prefeito Francisco Tavares e vereadores. No encontro, eles discutiram projetos e ações do Governo do Estado na região.
Washington Luiz encerrou a visita à Região do Médio Mearim no município de São Raimundo do Doca Bezerra, onde foi recebido pela prefeita Arlene Uchôa e sua equipe de auxiliares.


SSP e Senac definem parceria para implantar novos cursos profissionalizantes


A Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), por meio da Secretaria-Adjunta de Desenvolvimento e Articulação Institucional (Sadai), promoveu, nesta quarta-feira (27), uma reunião com representantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) para apresentar aos comandantes dos Batalhões de Polícia Militar da Região Metropolitana de São Luís e o comandante geral da USC todo o cronograma de cursos de qualificação profissional para o ano de 2013.
Na pauta a definição das novas datas de inscrições, início dos cursos e a implantação de novos cursos de Formação Profissional. Durante a reunião, os gestores da SSP e os oficiais da PM puderam conhecer o funcionamento, didática, além dos requisitos necessários para que os candidatos possam preencher as vagas.
Serão oferecidos cursos nas áreas de Operador de Computador; Montagem e manutenção, dentre outros. Ao todo serão, nesta primeira fase, ofertadas 280 vagas. A previsão é que as aulas tenham início este semestre.  Cada curso terá uma carga horária de 240 horas. Os cursos funcionarão nas quatro Supervisões de Aéreas Integradas de Segurança Pública (Saisp) Norte, Sul, Leste e Oeste; no 1ª BPM; Colégio Tiradentes, Academia Integrada de Segurança Pública (Aisp) e, em Companhias da Polícia Militar. Segundo os coordenadores do Senac, os cursos funcionarão no 1º e 2º semestres. As aulas ocorrerão de segunda a sexta-feiras, sempre nos turnos matutino e vespertino.

Datas
O curso de Operador de Computador está previsto para iniciar já no mês de março.  Os candidatos interessados em participar da qualificação profissional já podem se inscrever. O candidato deve estar cursando da 2ª e 3ª séries do ensino médio, na rede pública. As inscrições podem ser feitas nas secretárias das escolas.
Para o secretário-adjunto de Desenvolvimento e Articulação Institucional da SSP, coronel Antônio Roberto dos Santos, essas qualificações de cunho preventivo tem se tornado um grande aliado da sociedade, pois essas ações contribuem para a diminuição da criminalidade, e, principalmente, para o ingresso dos jovens no mercado de trabalho.
“O objetivo da reunião é estreitar a parceria entre os comandantes das unidades militares e as instituições educacionais, além de capacitá-los para o bom acompanhamento dos jovens que participarão do projeto e, conscientizar sobre a importância desses projetos”, explicou o secretário-adjunto Antônio Roberto.
As aulas serão presenciais e serão coordenadas por professores de alta qualificação profissional indicados pelo Senac. Ao final de cada curso, os alunos receberão os certificados registrados pela instituição e serão incluídos no banco de dados de encaminhamento para o mercado de trabalho.
O coordenador geral das USCs, tenente- coronel Jorge Allen Guerra Luongo, informou que este será o 3º curso a ser ministrado na Unidade de Segurança Comunitária da Vila Luizão, inaugurada na terça-feira (26). “O primeiro curso teve início em dezembro, antes mesmo da inauguração. Foram 90 jovens e adolescentes beneficiados com os cursos de Logística, Almoxarifado e Auxiliar Administrativo. A turma deve concluir o curso no próximo dia 8. Já iniciamos o curso de manipulação de alimentos, do Projeto Mulheres Mil, em parceria com o Instituto Federal do Maranhão (Ifma). Neste, estão participando 25 mulheres”, contou o coordenador geral da USCs. Ele explicou que além da parte técnica, os alunos recebem noção de empreendedorismo.
Participaram, ainda, da reunião os comandantes do 1ª BPM, tenente-coronel Celso Jardim; da Companhia de Policiamento Rodoviário (CpRV), major Silvio D’Eça, além de oficiais da Companhia de Turismo Independente (CpTur), do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), do  Esquadrão de Polícia Montada (EpMont) e representantes do Senac.

Ação da PM desarticula mais uma quadrilha que agia na Vila Luizão


Resultado de mais uma ação de pacificação na região da Divinéia/Luizão, policiais militares da Unidade de Segurança Comunitária (USC) desarticularam mais uma quadrilha de criminosos que agia naquela região. Desta vez, foram presos três integrantes de um bando especializado em roubos a residências. De acordo com a Policia, além da Vila Luizão e Divinéia, o grupo é suspeito de cometer assaltos também em vários bairros da Região Metropolitana.
Estão detidos Otniel Castro Amorim, 25 anos, residente no Bairro do Angelim e Clenilton Santos Alves, 22 anos, morador do São Francisco. Durante a ação, os PMs apreenderam, ainda, um adolescente de 16 anos, natural da cidade de Penalva. O bando foi capturado na noite de terça-feira (27). no Bairro do Sol e Mar. 
Para o tenente-coronel Jorge Guerra Luongo, coordenador geral das USCs, estão sendo desencadeados uma série de trabalhos e operações de pacificação nos bairros que abrange a área da USC, visando uma diminuição do índice de criminalidade. “Estamos trabalhando para que os números de violência possam diminuir. Faremos um trabalho preventivo, porém continuaremos com todo esse planejamento com ações ostensivas e repressivas em toda a região”, ressaltou o oficial.
Na ação, foram apreendidos três notebooks e uma CPU; um cordão de metal semelhante a ouro; quatro aparelhos televisores LCD e um monitor da marca AOC; dois aparelhos celulares; um revólver calibre 38 da marca Taurus com seis munições intactas, além de dois veículos, sendo um Peugeot 206 de cor cinza, de placas NMW – 1776 e,  ainda, um Ecosport de cor vermelha de placas NXC – 8158, que eram utilizados nos assaltos.
De acordo com informações policias, Otniel Castro e Clenilton Santos estavam no veículo Peugeot em atitude suspeita, quando foram abordados pelo militares que faziam rondas de rotina na área. Ao ser abordada a dupla tentou empreender fuga, mas eles foram perseguidos  e capturados logo em seguida.
No carro, foi encontrada a arma escondida embaixo de um dos bancos do veículo. Durante interrogatórios, os criminosos levaram os policiais até uma casa abandonada, onde estavam os objetos subtraídos nas ações criminosas. No local as equipes policiais encontraram o adolescente de 16 anos que fazia a guarda das coisas. Já os ocupantes do Ecosport abandonaram o carro e fugiram.
Os suspeitos foram levados para o Plantão Central da Refesa e autuados, pelo delegado plantonista Lawrence Moraes Alves, pelos crimes de formação de quadrilha e roubo qualificado. Contra o adolescente foi lavrado o auto de apreensão em flagrante. Eles permanecerão detidos à disposição da Justiça.

 Unidade de Segurança
A primeira Unidade de Segurança Comunitária do Maranhão foi inaugurada, na terça-feira (26), pela governadora Roseana Sarney e pelo secretário de Estado de Segurança Pública, Aluisio Mendes.
O projeto tem como referência o modelo das UPPs do Rio de Janeiro. No Maranhão, o projeto apresenta inovações como a implantação de 10 câmeras de videomonitoramento que cobrem o perímetro de todo o complexo policial dando ao comando de cada unidade um controle, 24 horas por dia, de toda a movimentação. As câmeras estão interligadas a um centro de comando instalado na própria Unidade e também no Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), na sede da SSP.       
No local serão oferecidos ainda cursos de qualificações aos moradores das áreas vizinhas as USCs. Na da Divin´ria/Vila Luizão três cursos já estão sendo oferecidos. O intuito é qualificar jovens e adolescentes e reduzir o número de envolvimento de jovens com o mundo do crime.   

SSP apresenta sequestradora de criança do Hospital em Alto Alegre do Maranhão


Uma ação coordenada pela Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI) e realizada pela equipe da delegada Maria de Jesus Sousa Melo, que está respondendo pela Delegacia Regional de Bacabal e pelo delegado José Henrique Rodrigues, da delegacia de São Mateus culminou na prisão da mulher suspeita de raptar um recém-nascido, na segunda-feira (25), do Hospital Geral de Alto Alegre do Maranhão.
Os policiais localizaram a criança no município de São Mateus, após informações de que havia uma mulher naquela cidade que teria tido um bebê em Alto Alegre do Maranhão, na manhã do dia 25.
Cleudiane Conceição Ortenco Rocha, 20 anos, foi encontrada na casa dos pais na Rua Magalhães de Almeida, Bairro Vaquejada em São Mateus. A mulher foi apresentada, nesta quarta-feira (27), na sede da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), pelo secretário Aluísio Mendes, o adjunto de Inteligência e Assuntos Estratégicos, Laércio Costa, a delegada Geral de Polícia Civil, Maria Cristina de Meneses, e o superintendente do Interior, Jair Lima de Paiva.
“Trabalhamos nas investigações com total discrição para não comprometer a localização da mulher e possibilitar a recuperação da criança sem sequelas, pois não sabíamos da real intenção dela com a criança que já está em casa com a família”, disse Aluísio.
A delegada Geral acrescentou que não há quaisquer indícios de se tratar de tráfico de pessoas. Segundo as investigações, a intenção de Cleudiane era manter a criança como se fosse sua filha.
Cleudiane Conceição Ortenco Rocha apresenta as mesmas características do retrato-falado divulgado pela Delegacia Geral na tarde de terça-feira (26). Segundo informações policiais, ao ver a polícia em sua residência, a mulher apresentou um comportamento agitado e alegou que ficou internada no hospital, tendo o suposto parto ocorrido por volta das 9h de segunda-feira (25).
O superintendente do Interior, Jair de Paiva, disse que ficou constatado junto ao Hospital que não havia nenhum prontuário ou procedimento clínico registrado em nome de Cleudiane. Testemunhas relataram, ainda, durante depoimentos, sobre a vestimenta e a bolsa utilizada por ela no momento do sequestro. Os objetos foram encontrados, nas mesmas características relatadas, em sua casa.
Na ocasião da prisão, o bebê foi levado para o Hospital de Alto Alegre, onde foi reconhecido pela família. A mulher também foi conduzida, sob a custódia da polícia, para o Hospital daquele município, tendo sido comprovado que ela era de fato a sequestradora da criança.
O inquérito policial do caso tem 10 dias para ser concluído. O foco da Polícia agora é investigar possíveis participações de outras pessoas no sequestro. Cleudiane Conceição Ortenco Rocha foi autuada por sequestro e será encaminhada para o Presídio Feminino.

Operação policial ?Vila Luizão pela Paz? prende seis pessoas


Uma mega operação batizada de “Vila Luizão pela Paz”, deflagrada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), na manhã desta segunda-feira (25) para combater o tráfico de drogas na região do Turu, Divinéia, Sol e Mar e Alonso Costa, deu cumprimento a seis mandados de busca e apreensão em diversos pontos.
 “Vila Luizão pela Paz” faz parte das ações de pacificação na região da Divinéia/Vila Luizão. A partir desta terça-feira (26), as forças de Segurança estarão instaladas definitivamente na região com a primeira Unidade de Segurança Comunitária do Maranhão (USC-MA). 
“Avisamos aos traficantes que a polícia não vai permitir ações criminosas naquela área. Operações como esta, irão acontecer permanentemente a partir da inauguração da USC”, afirmou o secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, durante a apresentação dos presos na sede da SSP.
Participaram dos trabalhos, investigadores da Delegacia Geral, Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), Departamento de Narcóticos (Denarc), 7º DP, e policiais do 8º BPM.
Na megaoperação, com participação das Polícias Civil e Militar, foram detidas seis pessoas envolvidas com tráfico de drogas, homicídios e roubos, além da apreensão de crack, veículos e uma grande quantia em dinheiro, oriundo da comercialização dos entorpecentes.
Foram presos Maria de Oliveira dos Anjos, 46 anos; Luciano Costa dos Anjos, 18 anos; e Thaíse dos Anjos Moraes, 21 anos. Todos são moradores da Rua Jaú, nº, 33 bairro Divinéia, em São Luís, local onde foi encontrada a droga.
Também foi detido, George Veras, 25 anos, conhecido como “Omega”, que já foi preso por tráfico de drogas e estava em liberdade há aproximadamente 20 dias; além de Marcelo Teixeira Macedo, o “Marcelo da Barragem”, suspeito de ter cometido o homicídio que vitimou Renato Ferreira Silva, no dia 3 de março do ano passado e de uma tentativa de homicídio contra o adolescente Joerbete Carlos da Silva Ribeiro. Foi preso ainda Brayan Corrêa dos Santos, 20 anos, suspeito de praticar uma tentativa de homicídio contra um segurança numa Festa de Carnaval.
Foram apreendidos com eles, aproximadamente 1kg de crack em barra; sete celulares; um veículo Cross Fox de cor amarela e placas HQD – 8432; 96 pedras de crack; e a quantia de  R$ 2.716,50.

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Doações ao Socorrão I: o público não pode se misturar com o privado

Quando o privado faz gracinhas para o público, desconfie. Aí tem. Um tem na mente a intenção de enganar o outro. A legislação não permite gracejos privados ao serviço público para garantir o princípio da moralidade.

Fui convidado a defender a intenção da senhorita Caroline Regadas, filha de Marcos Regada, dono da Franere. Não aceitei, mas teve gente que topou.

Não condeno e ou crítico a atitude dela de querer ajudar na reforma do Socorrão I, aquele do centro da cidade. Uma atitude louvável.

E ela diz, numa segunda postagem no seu canal de relacionamento, que vai ajudar e com os parentes empresários. Nada contra.

Mas não custa lembrar que a Franere, do pai da empresária, e a Gafisa, tinham toda a proteção do então prefeito João Castelo. Aliás, cumplicidade.

Construiu o Gran Park, na área do Barramar contra as ações do Ministério Público Federal, em uma área de preservação ecológica.

A prefeitura apoiou a idéia e os compradores dos imóveis reclamam até hoje da qualidade dos apartamentos e dos valores que cresceram sem negociações entre as partes.

A Franere constrói imóveis em uma área localizada em São José de Ribamar e falsificou documentos para dizer que a área é em Paço do Lumiar. Bem aqui a empresária escondeu a idoneidade da empresa.

A atitude dela é louvável, como dito aqui. Mas assusta quando uma empresa que edifica construções na capital, doa dinheiro para campanhas de candidato da mesma cidade, deixe que um membro da família seja solidário com a gestão de Saúde do Socorrão.

Como construtora, a Franere deveria estar sensibilizada com a infraestrutura dos bairros da capital. Ou ao menos com as edificações que construiu e teve lucros. Muitos dos quais exibidos de forma exagerados pelos proprietários e com ruas e avenidas catrófisticas.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Eu não tenho contrato de fidelidade territorial¨ diz vereador ITAPARANDI

O vereador e atual 1º vice-presidente da Câmara de Paço do Lumiar, José Itaparandi (PTB), tem sido muito criticado pela sua ausência nas sessões daquela Casa Legislativa. Segundo informações, o parlamentar teria viajado ao Rio de Janeiro o que pode ser comprovado através de um bate-papo numa rede social, onde o mesmo afirma demonstrando alegria ¨kkkkkkk cara to no rj tá muito quente aqui¨ e o amigo pergunta sobre as sessões da Câmara Municipal e ele responde ¨amanhã to de volta¨. Foi o suficiente para a população, principalmente, seus eleitores o criticarem, pois segundo eles, o período legislativo iniciou recentemente e são apenas dois dias na semana que acontecem as sessões ordinárias. Segue abaixo o trecho da conversa:

Além disso, muitos questionam quem teriam arcado com as despesas da viagem, assim como, desejam uma explicação do vereador sobre as razões que o levou a se ausentar da cidade, pois o município vem enfrentando uma situação difícil e a sua presença como representante do povo é fundamental para buscar apoio as comunidades que estão sentindo-se abandonadas pela Prefeitura de Paço do Lumiar, principalmente no que se refere a infraestrutura, pois a situação das ruas e avenidas da cidade estão precárias.

Questionado pela imprensa sobre a sua viagem ao Rio de Janeiro, o vereador Itaparandi disse, "eu não tenho contrato de fidelidade territorial", e não respondeu aos demais questionamentos, demonstrando uma certa irritação e incomodo, além disso, o parlamentar não disse se foi a Câmara Municipal quem pagou as despesas ou se as mesmas foram pagas do seu próprio bolso.

Enquanto o vereador Itaparandi passeia pela cidade maravilhosa, do Rio de Janeiro, o povo luminense vem sofrendo com a falta de capacidade administrativa e compromisso do professor prefeito Josemar (PR) com os problemas da cidade, e os mesmos ainda “sonham” por seus suados e merecidos salários atrasados que chegam há três meses sem que a prefeitura dê uma satisfação aos servidores que estão atolados em dívidas.

O clima esquentou no parlamento municipal de Paço do Lumiar.

O vereador presidente Leonardo Bruno se revestiu do poder de presidente e deu uma calça arriada nos demais membros deste poder, o vereador já esgotado de tanto debater sobre o repasse da câmara e de igual modo diminuir o salário dos Edis,não pensou duas vezes e hoje para surpresa dos legisladores e para quem achava impossível acontecer, os mesmo foram surpreendidos com os valores dos proventos que são frutos dos seus trabalhos.
Simplesmente o vereador presidente diminuiu os salários e ainda descontou o repasse passado o que sobrou na conta de cada vereador foi a bagatela de R$3.000,00. Ainda na noite de ontem iria ter uma reunião para informar os vereadores, mas de ultima hora foi desmarcada. Resta saber como ficara o clima no plenário do legislativo municipal da cidade de nossa senhora da luz.



Fonte: A Voz Luminense

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

CRACK SE ALASTRA EM RAPOSA


O consumo do crack está se tornando um grande problema em Raposa. Essa triste realidade, virou paisagem, houve uma banalização do problema e todos apenas lamentam. Obtidos de modo simples, de fabricação caseira e utilização em grupo, dentro de casas com graus variados de abandono e precariedade, o crack é fumado em cachimbos e estralam quando expostos ao fogo, característica que lhes conferiu o nome. Segundo li recentemente, o uso produz uma euforia de grande magnitude e de curta duração, seguida de intensa fissura e desejo de repetir a dose. Logo se percebeu o potencial altamente viciante dessa droga. Diante dessa triste e sofrida realidade, precisamos entender que a droga sempre vai existir, nunca teremos uma finalização total do problema. O que precisamos tomar é consciência de que devemos informar todos os males que as drogas trazem. Um verdadeiro enfrentamento só será eficaz se houver uma responsabilidade compartilhada entre todos os envolvidos no problema; ou seja, todos juntos, unidos pela causa. Não adianta tomar atitudes isoladas, querer tapar o sol com a peneira. A maior política sobre drogas se faz com a sociedade envolvida e todos profissionais, políticos, mães, pais, igreja, comunidades, grupos de mútua ajuda, imprensa, judiciário, todos juntos e misturados dando informações importantes para a resolução do problema. Informar significa alertar e mostrar os caminhos certos. Não podemos fugir de uma realidade tão séria; precisamos nos unir. Não adianta tirar os usuários das ruas e não continuar o tratamento. Essas pessoas precisam também de um rumo na vida. Precisamos de escola em tempo integral, de locais de lazer para os nossos jovens, praças recreativas, emprego e renda. Capacitação é uma esperança melhor de vida. Do contrário, continuaremos sempre lamentando o problema e isso não leva a nada. Acredito que a melhor maneira de diminuir essa epidemia é informar, prevenir, amar no sentido real da palavra, sem preconceitos, e com muita serenidade. Nessa luta não pode existir fogueira de vaidades; precisa existir, sim, a solidariedade humana. 




Ministério Público dá parecer favorável à produção de provas contra Beto Castro

O procurador eleitoral Marcílio Nunes Medeiros deu parecer favorável à produção de provas no processo que pede a cassação do vereador Beto Castro (PRTB).

No parecer, divulgado hoje à tarde, o procurador derrubou a tese levantada pela defesa de Beto Castro, segundo a qual a análise de documentos que comprovem ter ele duas identidades, dois CPFs – e vários outros tipos de documentos duplicados - não poderiam ser usados no processo por que feriria o princípio segundo o qual nenhum cidadão pode produzir provas contra si mesmo.

- Não há que se falar em princípio da auto-incriminação, uma vez que as provas não serão produzidas pela própria parte recorrida, mas sim fornecidas pelos órgãos públicos, mediante determinação judicial - diz o parecer do MPE.

Traduzindo: o Ministério Público considerou pertinente que se busque na Receita Federal e na Junta Comercial a existência de eventuais firmas em nome de Werbeth Macedo Castro e Weberth Machado Castro (os dois nomes usados por Beto Castro).

Também foi aprovado pelo Minsitério Público a coleta de informações no Banco Central sobre contas bancárias em nome das duas pessoas físicas.

O parecer do Ministério Público traz à tona, também, outro dado do processo: Beto Castro sabe que fraudou não só a Justiça Eleitoral, mas também a Polícia, a Justiça, a Receita Federal e o mercado bancário.

Por isso é que tentou evitar a coleta destas informações…

Fonte: Marco D'erça

sábado, 16 de fevereiro de 2013

JOSEMAR e a FARRA com dinheiro público no Carnaval

a PAZ foi esquecida por Josemar e Ivone
Apesar do período momesco ter passado, ainda está dando muito o que falar a farra com dinheiro público e a promoção pessoal que o professor prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro (PR), fez neste Carnaval. Após ter bancado o Bloco do Loirinho, coordenado pelo prefeito de fato, o vice Marconi Lopes (PSL), o ¨professor prefeito¨ que não podia ficar ¨por baixo¨, também mais uma vez saiu as ruas com o seu Bloco da Paz que há dez anos é organizado pela professora Ivone Coqueiro e pelo atual ¨professor prefeito¨. Lançado inicialmente de forma tímida, sem muita estrutura, com o objetivo de levantar a bandeira da Paz pelas avenidas do Maiobão com a participação de pais, alunos do CEFRAN e alguns simpatizantes. Infelizmente, com o passar dos anos deixou seu enfoque principal, que era chamar a atenção da população e autoridades competentes sobre altos índices de violência, assim como, estimular solidariedade, inclusão social e tolerância, pelas ruas e avenidas de Paço do Lumiar, além disso, serviu de instrumento para aparições públicas de políticos, citamos como exemplo, um dos organizadores e agora prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro, o ex-deputado estadual Alberto Franco, deputado federal Pinto Itamaraty, ex-vereador Almeida, ex-vereador THIAGO AROSO e tantos outros que no afã de conquistarem apoio popular e passar uma imagem positiva para a população por uma causa nobre que é a luta pela PAZ, ofereciam toda a logística necessária para que o ¨bloco¨ percorresse as ruas da cidade.

Entretanto, hoje o BLOCO DA PAZ perdeu o seu verdadeiro sentido, principalmente, após a posse do ¨professor prefeito¨, pois diferente de anos passados, agora o bloco pode contar com uma mega estrutura, com direito a trio elétrico, banda de forró que atualmente só estimula o tráfico e consumo de drogas ilícitas, poluição sonora, destruição do patrimônio público e privado, assim como, prática de outros ilícitos penais como a violência contra a pessoa, a exemplo de agressões físicas e roubos. O Ministério Público e o ¨professor prefeito¨ que deveriam estar cumprindo com suas obrigações que é o de zelar pelo bem estar social estão de braços cruzados diante destes abusos, que vem gerando muitas reclamações por parte dos moradores por onde o BLOCO DA ¨PAZ¨ percorre. ¨Nós tínhamos muito prazer em ver o bloco da paz passando pelas ruas, com as crianças e jovens sensibilizando as pessoas e estimulando a paz, tudo na maior tranquilidade, mas hoje virou uma bagunça, é trio elétrico com banda de forró que faz um barulho horrível, uma desordem no trânsito, pessoas urinando nas ruas, as autoridades têm que servir pra alguma coisa, e o ministério público faz nada pela gente e o prefeito que devia dar exemplo faz estimular¨ disse a moradora Maria Bernadeth que reside no Conjunto Maiobão há 20 anos.

promoção pessoal com dinheiro público


Segundo fontes, o Bloco da ¨PAZ¨, que inciou de forma tímida e sem muitos recursos, recebeu dinheiro do povo, apesar de não ter sido divulgado, e pior faz promoção pessoal do prefeito e de sua esposa, que exerce atualmente cargo de secretária de Desenvolvimento Social. É a farra com o dinheiro público, e neste ano, coincidentemente, contou com a animação do Forró BANBANBAN, que tem como proprietário o filho do ¨professor prefeito¨, que segundo as fontes, foi pedir ao então prefeito Raimundo Filho a sua inclusão na programação das festas de final de ano promovido ano passado pela prefeitura de Paço do Lumiar, pela bagatela de R$ 60.000,00 e na oportunidade gravaram o seu DVD com participação especial da Banda Reprise, que está inclusa na programação oficial do Carnaval deste ano organizado pela prefeitura de Paço do Lumiar.

abaixo da logomarca da prefeitura se observa mais
uma promoção pessoal paga com dinheiro público


Diante dos fatos, A VOZ LUMINENSE vem perante a todos repudiar os abusos cometidos pelo falso moralista professor prefeito Josemar, que após sentar na cadeira nº 1 do Executivo Municipal, só tem maltratado a população e os funcionários do município. Como o todo poderoso que se acha, acredita ele, que tem o direito de descumprir as leis e adotando a velha prática do ¨eu quero, eu mando, eu posso¨, traindo o seu discurso de campanha e frustrando as esperanças daqueles que sonharam em ver uma cidade melhor.


Fonte: A Voz Luminense

Ultima noticia-Investigador da Polícia Civil é assassinado após discussão no trânsit

Uma discussão no trânsito acabou em assassinato, na tarde deste sábado (16), no Maiobão.

O investigador da Polícia Civil identificado como Henrique Garcia Lopes foi morto a tiros após bater boca com dois homens numa motocicleta na avenida principal do bairro.

De acordo com a polícia, ele estava em companhia da noiva, num Corsa Classic transportando algumas coisas e com um colchão em cima do carro, quando tentou desviar de um buraco, quase atingido o motociclista. Houve discussão e, em seguida, troca de tiros. Um dos disparos atingiu o policial no peito.

Ele ainda foi levado para a Unidade Mista do Maiobão, mas não resistiu ao ferimento e morreu ainda à tarde. Há suspeitas de que os dois homens na motocicleta – nenhum deles identificado até agora – sejam os autores de um assalto, hoje pela manhã, no Cohatrac.

As delegacias de Homicídios e de Roubos e Furtos (DRF) estão no comando das investigações.

Iniciado em outubro, horário de verão termina neste domingo

Termina amanhã, dia 17, o horário de verão. Os moradores de Estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país, além de Distrito Federal, deverão atrasar o relógio em uma hora.

O objetivo do horário de verão é reduzir a demanda de energia no país, principalmente, no horário de pico, que vai das 18h às 22h.

No Maranhão, não há necessidade de mexer nos relógios, mas é preciso ficar atento para alguns serviços.

A partir de segunda-feira, dia 18, os bancos, que tiveram o fuso alterado por causa do horário oficial de Brasília (DF), funcionando das 9h às 15h, voltarão a funcionar no seu horário normal de 10h às 16h. Os concursos públicos realizados em São Luís também voltam à hora local.

Este ano o horário de verão terá início em 20 de outubro, estendendo-se até 16 de fevereiro de 2014.


De: O Globo

A triste realidade do Maiobão

As duas imagens abaixo são de algumas ruas do Maiobão, onde mostra a triste realidade do bairro, que antes do temporal, os buracos, ou melhor, as crateras, já existiam.


Do: Blog Luís Pablo

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

O mistérioso sumiço das testemunhas do caso Décio.

O assassinato do jornalista Décio Sá nunca foi uma mera execução patrocinada por bandidos acuados por suas publicações, como o secretário Aluísio Mendes tenta fazer crer.

E o desaparecimento misterioso de testemunhas oculares do caso – como a morte de Ricardo Silva, o Carioca, ontem – só comprova que há muito mais explicações a serem dadas no caso.

Primeiro foi o suposto assaltante e agenciador de pistoleiros Valdênio Silva.

Preso um dia depois do crime em companhia de um dos acusados, Valdênio passou quase 30 dias preso. Em conversas com o titular deste blog logo no início das investigações, Aluísio garantiu que ele prestara importante contribuição para a prisão dos envolvidos.

Um dia antes da prisão de Jhonatan Souza, Gláucio Alencar & cia, Valdênio – que já estava solto – foi dado como vítima de uma execução na Vila Pirâmide, em um crime sem testemunhas e sem suspeitos nuna esclarecido pela polícia.

Valdênio foi dado como morto, mas consta da relação de testemunhas do caso Décio.


Depois foi a vez do lavador de carros conhecido por Qualhada.

No relatório que a polícia encaminhou à Justiça, consta que partiu de Qualhada a melhor descrição das feições do matador de Décio Sá. Descrição que, ainda segundo a polícia, serviu de base para a elaboração do verdadeiro retrato falado de Jhonatan, que não foi divulgado pela polícia, como mostra o trecho do documento, ao lado.
Semanas depois da prisão de Jhonatan, Qualhada foi vítima de facadas em uma suposta briga na região do São Francisco. Não foi localizado em nenhum hospital, foi dado como morto e nunca mais foi visto.

Agora é a vez de Ricardinho, o Carioca.

Nos relatórios da polícia, Carioca é apontado como o homem que avisou Gláucio Alencar de que havia uma trama para matá-lo.

Foi a partir desta revelação que a polícia montou a teia que, segundo a investigação, resultou na morte de Fábio Brasil e de Décio Sá, em abril de 2012.

Em janeiro, Carioca sofreu um atentado a bala que o levou a ficar internado por mais de 40 dias, até morrer, em um dos leitos do Hospital Carlos Macieira, sob a custódia da polícia.

São mistérios que a polícia se recusa a explicar.

E que tornam o assassinato de Décio Sá cada vez mais nebuloso…

Leia também:

Que fim levou flanelinha que fez retrato falado de assassino de Décio???

O misterioso Caso Valdênio…

Procurado…


Se sobrevivesse, Ricadinho já estaria tetraplégico

Tinha poucas chances de sobrevivência a testemunha do caso Décio Sá, Ricardo Silva, o Carioca, alvejado com seis tiros no início de janeiro, no Turu.

De acordo com informações do Hospital Carlos Macieira, Carioca havia recebido tiros na cabeça, nas costas e no pulmão. Uma das consequências foi a paralisia de braços e pernas.

Ele morreu de infecção generalizada.

Também conhecido por Ricardinho, foi Carioca quem avisou o agiota Gláucio Alencar de uma suposta trama para matá-lo.

No início de janeiro, homens em um carro preto atiraram nele, no início da noite, no bairro do Turu.

A princípio internado no Hospital São Domingos, ele teve que ser transferido para o Carlos Macieira após uma suposta tentativa de conclusão da execução em pleno hospital, fato negado pela polícia.

Mas a polícia, até hoje, nunca deu notícias dos homens que montaram a emboscada para ele.

E nem os motivos do crime…

Décio Sá

Lava-Pratos agita Ribamar neste fim de semana e encerra Carnaval no MA

Previsão é de que mais de 150 mil pessoas participem da festa. Esquemas na área da segurança e saúde foram montados para oferecer comodidade e tranquilidade aos foliões.

A folia carnavalesca terá continuidade neste fim de semana no município de São José de Ribamar. Trata-se do tradicional Carnaval do Lava-Pratos, evento organizado pela administração do prefeito Gil Cutrim e que, este ano, chega a sua 67ª edição.

A previsão é de que mais de 150 mil pessoas participem dos dois dias da festa – sábado (16) e domingo (17) – que é considerada como o primeiro Carnaval fora de época do país e que encerra oficialmente a temporada momesca no Maranhão.

A programação do Lava-Pratos 2013 de São José de Ribamar, que está disponível no www.saojosederibamar.ma.gov.br/carnaval, acontece nas dependências do Parque Municipal do Folclore Therezinha Jansen, situado na Praia de Banho da sede da cidade, e terá início na noite de sábado, a partir das 21h. No domingo, dia considerado como o ponto alto do evento, a programação tem início a partir do meio dia.

As atrações culturais irão se apresentar, de forma simultânea, em dois palcos que estão sendo implantados no Parque Municipal do Folclore. Um terceiro palco também será instalado no final da Praia de Banho, onde funcionará a chamada Estação Praia.

“A exemplo dos anos anteriores, adotamos todas as medidas necessárias nas áreas da saúde, segurança e trânsito, por exemplo, para que as pessoas brinquem com tranquilidade e comodidade. Tenho certeza que, igualmente ao que aconteceu em 2012, teremos um Lava-Pratos recheado somente de muita alegria e paz”, afirmou Gil Cutrim.

Segurança, Saúde e Trânsito

Seguindo o exemplo do Carnaval tradicional de São José de Ribamar, quando não foram registradas ocorrências graves nos circuitos oficiais e extraoficiais, a administração do prefeito Gil Cutrim organizou esquemas nas áreas de segurança, saúde e trânsito que visam oferecer tranquilidade aos milhares de foliões que irão participar do Lava-Pratos 2013.

Nos dois dias de festa, o Hospital Municipal e o Centro de Saúde Honório Gomes, ambos localizados na sede da cidade, funcionarão em regime de plantão 24h com equipes médicas reforçadas e ambulâncias extras. Equipes da Secretaria Municipal de Saúde de Ribamar estarão percorrendo o circuito da folia distribuindo preservativos e repassando informações importantes sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis.

Um total de 526 policiais militares e 163 homens do Corpo de Bombeiros, segundo informações preliminares divulgadas pelo Comando de Policiamento Metropolitano, trabalharão no Lava-Pratos durante todo o fim de semana. Este serviço de segurança preventiva será reforçado com a presença de mais de 200 seguranças privados, contratados pela prefeitura, que também trabalharão nos dois dias da festa. Guardas civis municipais e agentes de trânsito também reforçarão este esquema de segurança. Como acontece todos os anos durante o evento, homens da Polícia Militar e funcionários do Detran promoverão blitzes preventivas na entrada da cidade.

O trânsito na sede do município sofrerá algumas intervenções no sábado à tarde (a partir das 13h) e durante todo o domingo de Lava-Pratos. As vans que estiverem trafegando no sentido MA-201/Ribamar deverão seguir pela Avenida Clodomir Cardoso, passando pela Avenida Garrastazu Médici, Rua da Avenida até a Rua Bom Jesus (ponto final ao lado da Data Control). Os ônibus que estiverem trafegando nesse mesmo sentido deverão seguir pela Avenida Clodomir Cardoso, passar pela Avenida Garrastazu Medici e chegar ao Parque da Campina (ponto final).

A partir das 11h de domingo, o ponto de embarque e desembarque de passageiros, da linha Terminal Cohab/Ribamar, será no pátio externo da empresa TCM, localizada na Avenida Clodomir Cardoso.

Os ônibus que deixarem a sede do município com destino a São Luis e Paço do Lumiar pela Estrada de Ribamar (rodovia estadual MA-201) deverão seguir o seguinte itinerário: Parque da Campina, passando pela Rua Humberto de Campus e Avenida Clodomir Cardoso até chegar à rodovia estadual. As vans que trafegarem nesse mesmo sentido farão o seguinte itinerário: Rua Bom Jesus, passando pela Avenida Clodomir Cardoso até chegar à MA-201. Carros de passeio poderão utilizar as ruas paralelas à Avenida Gonçalves Dias. (Da Assessoria)

A estratégia do Diabo

Um linguajar de purgatório norteia o jornalismo sarneisista neste momento. Pessoas e autoridades são tratadas publicamente como se insultos e palavras de baixo calão fossem prerrogativas da imprensa; o título da coluna “Estado Maior”, ontem, por exemplo, é um primor da evisceração moral de qualquer autoridade. “O dono do prefeito” é como se dissessem marionete, é uma referência perversa a seres sem vontade, acéfalos, sem personalidade própria.

E vão mais longe: ser evangélico, não freqüentar os festins de Baco, não engolir bebida destilada, não aspirar substâncias narcotizantes e se entregar à jogatina virou pecado capital. É crime, na Bíblia Negra escrita nos bastidores do poder. E, mais que a Guerra Santa, preparam a Santa Inquisição. As fogueiras já estão acesas. Os pecadores, ou seja, todos os que não compraram a indulgência do sarneisismo, já foram escolhidos. Preparem-se para arder.

Essa, entretanto, é a mais antiga estratégia do Diabo: jogar cristãos contra cristãos. Estamos diante da Besta do Apocalipse, dos espíritos enganadores assistidos pelo apóstolo João. Eles tentam se aproveitar da ausência devidamente representada do prefeito a uma festa de carnaval, para jogar católicos contra evangélicos e promover em São Luís uma Guerra Santa Eleitoral que lhes ponha em vantagem, visto que os católicos são em maior número. Eis aí um ato totalmente digno dos mais secretos desejos de Belzebu.

Na Bíblia Negra do sarneisismo tem um versículo inconfundível: “Amarás a teu Sarney sobre todas as coisas”. Seus seguidores, ideologicamente conscientes desse dogma, os sacerdotes da nossa “Santa Inquisição” particular, preparam A Esfola, a remoção da pele de todo mundo que não reze conforme os salmos infernais difundidos a partir da Ilha de Curupu. Haja bajulação!

Estão brincando com Deus, senhores! Não se planeja uma maldição como essa contra a cidade em que se nasceu ou cresceu. São Luís não merece isso e, por mais que vocês não queiram, católicos e evangélicos vão continuar vivendo em paz aqui e cultuando a mesma fé que sempre professaram. Sem escolhas políticas forçadas pela inversão do evangelho ou por tribunais de exceção eclesiásticos recém-consagrados por reles mortais de Mefistófeles.

Nunca no Maranhão se havia confrontado a religião de qualquer autoridade; nunca ninguém tinha tido uma idéia política tão vil. Até porque, entre pessoas que conservam a sanidade mental, tal idéia seria impensável. Vai ver, estavam sonhando com carnavalescos armados até os dentes atacando igrejas ou com alguma turba-multa de fanáticos gritando impropérios contra a fé de seus semelhantes. Não tem outra palavra. É repugnante.

E também insinuam na matéria que o prefeito será contra as festas juninas, já que elas se manifestam em nome de São João e São Pedro. Haja bajulação! Porque não constroem logo a primeira capela de São Sarney e vão para lá rezar, todos os dias, em romaria, em latim ou sânscrito para que ninguém possa entender e sair correndo?

Editorial do JP, 15 de fevereiro

Eleições 2014: o debate esquenta

As eleições 2014 estão a mais de um ano de distância. Porém, os debates começam esquentar como se os maranhenses fossem às urnas neste próximo domingo, dia 17 de fevereiro.

É que as eleições de 2012 foram estadualizadas, conforme o Blog do Robert Lobato já afirmou diversas vezes aqui. Aliás, foi o primeiro a afirmar a estadualização do processo a partir da eleição de prefeito de São Luis, quando o principal líder da oposição, Flávio Dino, apoiou o então candidato Edivaldo Holanda Júnior e transformou a capital no “farol” para a mãe de todas as batalhas que será travada em 14.

Na blogosfera nativa já é possível observar como alguns blogueiros se comportam. Aliás, o pau comeu feio pra cima de um blogueiro do Jornal Pequeno aí. A tendência que a coisa piore ainda mais até outubro do ano que vem.

O fato é que, no geral, até o momento o alvo principal dos ataques é ele mesmo: o comunista. Isso porque Flávio Dino é candidato declarado desde muito tempo.

Seu principal concorrente pelo grupo Sarney,o chefe da Casa Civil, Luis Fernando Silva, é candidato, mas não “tãããão” candidato como Dino. Luis Fernando ainda nem tem partido, é bom que se diga, e neste momento está mais focado em ajudar a governadora Roseana Sarney a tocar o governo.

Nesse sentido, não será surpresa alguma se o debate sobre a sucessão estadual ganhar um corte administrativo também, ou seja, sobre quem apresenta melhores resultadas de gestão: se o Governo do Estado ou Governo Municipal de São Luis.

Correndo por fora aparece a candidatura (de mentirinha) de Eliziane Gama ao governo pela tal “Via Alternativa”, um movimento que pode crescer e apresentar, na reta final das convenções, um outro candidato ou candidata para substituir Gama e a popular socialista virar candidata a deputada federal.

Tem ainda as candidaturas históricas do Psol e do Pstu para animar a festa sucessória.

E assim começa 2013,com um cheiro danado de 2014.

Só que pode feder para muita gente.


TJMA decide por intervenção do Estado no município de Cajapió

Os desembargadores das Câmaras Cíveis Reunidas do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) votaram, nesta sexta-feira (15), de forma favorável à representação feita pelo Ministério Público Estadual (MP), para decretar a intervenção do Estado no município de Cajapió. O objetivo é somente para fim específico de efetuar a prestação das contas municipais do ano de 2009 ao Tribunal de Contas do Estado, sem a necessidade de afastamento do atual prefeito.

O entendimento das Câmaras Cíveis Reunidas acompanhou voto da relatora Anildes Cruz

A decisão judicial será comunicada à governadora do Maranhão, Roseana Sarney, para expedição do decreto de intervenção, nos termos do artigo 64, inciso VI, da Constituição Estadual. O entendimento unânime das Câmaras Cíveis Reunidas acompanhou o voto da desembargadora Anildes Cruz (relatora) e seguiu parecer da Procuradoria Geral de Justiça.

De acordo com os autos, embora o município tenha sido devidamente notificado à época para sanar a irregularidade, por meio do então gestor Francisco Xavier Silva Neto, este não se manifestou, dando ensejo ao pedido de decretação da intervenção, de modo que se corrija a situação de anormalidade.
(Ascom/TJMA)

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Morre importante testemunha do caso Décio Sá


Faleceu hoje, na madrugada, Ricardo Silva, o Ricardinho ou “Carioca”,que estava hospitalizado no Carlos Macieira.
Ele foi vítima de atentado há quase dois meses quando foi baleado na saída de uma condomínio no Turu, no momento em que entrava no seu carro, por volta das 20 horas.
Cariooca ou Ricardinho foi levado para o Hospital São Domingos, onde passou quase duas semanas. Depois foi transferido para o Hospital Carlos Macieira porque sua família não tinha mais condições para pagar o hospital particular.
Ele, segundo a polícia, foi quem avisou o agiota Gláucio Alencar que Fábio Brasil (assassinado em Teresina pelo pistoleiro Jhonatan Sousa) teria contratado um pistoleiro para matá-lo.
Ainda no hospital, Ricardinho se comprometeu em fazer novas revelações aos policiais que investigaram a morte do jornalista Décio Sá.
Os policiais aguardavam a melhoria do seu estado de saúde que se agrava a cada dia e ele nem estava mais falando normalmente.
Com isso, a polícia perdeu uma importante testemunha que sabia muitas coisas não reveladas sobre o assassinato do blogueiro e jornalista Décio Sá.

Do: Blog Luis Cardoso

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

BPChoque apreende drogas no Circuito de Carnaval em São Luís



Durante abordagem nas barreiras de contenção realizadas pelo Batalhão de Choque na noite de domingo nos circuitos de carnaval da Madre de Deus, em São Luís, os militares fizeram apreensão de drogas entre elas cocaína e loló. A primeira apreensão foi realizada na barreira nas proximidades do Escritório Bar, na abordagem foi encontrado com José Marcio Silva Pereira, 18 anos, morador do bairro Sá Viana, cinco papelotes de cocaína. Já, na barreira do Ponto de Fuga, os militares apreenderam vinte fracos de loló, que estavam com Marcone de Jesus Silva Almeida, 18 anos, e mais quatro adolescentes entre 16 e 17 anos todos moradores do bairro de Fátima.  Todos os envolvidos nas duas apreensões e o material foram apresentados no Plantão da Reffesa.Luís Eduardo Vaz  Maj QOPM
Chefe da 5ª Seção do EMG

Sd Barros

 Ocorrência 02

 Que no dia 11/02/2013, por volta das 01h30min, o Batalhão de Choque, a operação Carnaval no Circuito Madre Deus e Adjacências,foi preso pela Vtr do Choque 14, Comandada pelo Sgt Augusto e Sd Correa, Rua do Apiçum, nas proximidades do Parque Bom Menino, Centro :Natanel Silva Gonçalves, 20 anos, Rua Santa Isabel,s/n, Vila dos Frades, Coroadinho,Nataniel Ferreira dos Santos, 26 anos, Travessa Mendes, 32a, Coroadinho, pelo fato de tentarem roubar a  vitima Carlos Alexandre Serra Alves, 19 anos, Rua da Salina , 396, João Paulo, que foi conduzido para o  Plantão Central da Reffsa para as providencias .(M 3066133)

Ocorrência 03

 Que no dia 11/02/2013, por volta das 22h10min, o Batalhão de Choque, a operação Carnaval no Circuito Madre Deus e Adjacências,foram presos pela Vtr do Choque 14, Comandada pelo Sgt Augusto e Sd Correa, Avenida Castelo Branco, nas proximidades da Ponte, São Francisco : Nielson Santana Diniz, 29 anos, Travessa Presidente Dutra, 29, São Francisco, Pedro Sousa Bezerra, 29 anos, Rua 05, casa 209, São Francisco, pelo fato de roubado armado com uma faca e fação o tenis da   vitima Lucas Araujo Rocha, 18 anos, Travessa Frei Antonio,01, Ponta D'áreia,que o tenis foi recuperado,que foi apreendido 01 faca e 01 fação, que foram conduzidos para o  Plantão Central da Reffsa para as providencias

Papa Bento XVI vai renunciar ao pontificado


O Papa Bento XVI vai renunciar a seu pontificado em 28 de fevereiro.

 Bento XVI anunciou a renúncia pessoalmente, falando em latim, durante o consistório para a canonização de três mártires.

 O discurso foi feito entre as 11h30 e 11h40 locais (8h30 e 8h40 do horário brasileiro de verão), segundo o Vaticano..

 O Vaticano afirmou que o papado, exercido por Bento XVI desde 2005, vai ficar vago até que o sucessor seja escolhido, o que se espera que ocorra "o mais rápido possível" e até a Páscoa, segundo o porta-voz Federico Lombardi.

 O anúncio é praticamente inédito na Igreja Católica.

 Em comunicado, Bento XVI, que tem 85 anos, afirmou que vai deixar a liderança da Igreja Católica Apostólica Romana devido à idade avançada, por "não ter mais forças" para exercer o cargo.

 O pontífice afirmou que está "totalmente consciente" da gravidade de seu gesto.

 "Por essa razão, e bem consciente da seriedade desse ato, com total liberdade declaro que renuncio ao ministério como Bispo de Roma, sucessor de São Pedro", disse Joseph Ratzinger, segundo comunicado do Vaticano.

 Na véspera, Bento XVI escreveu em sua conta no Twitter: "Devemos confiar no maravilhoso poder da misericórdia de Deus. Somos todos pecadores, mas Sua graça nos transforma e renova".

 Sucessor de João Paulo II, Bento XVI havia assumido o papado em 19 de abril de 2005, com 78 anos.

 28 de fevereiro
 O Vaticano afirmou que a renúncia vai se formalizar às 20h locais de 28 de fevereiro (17h do horário brasileiro de verão).

 Até lá, o Papa estará "totalmente encarregado" dos assuntos da igreja e irá cumprir os compromissos já agendados.

 O novo Papa será escolhido pelo conclave de cardeais, como de costume.

 Decisão surpreendente
 O porta-voz do Vaticano disse que a decisão do Papa surpreendeu a todos do seu círculo mais próximo.

 Ele afirmou que, após a renúncia, Bento XVI vai à residência papal de verão, em Castel Gandolfo, próximo a Roma, e depois irá morar em um mosteiro dentro do Vaticano.

 Lombardi também disse que Bento XVI não vai participar do conclave, a reunião a portas fechadas que vai escolher seu sucessor.

 O porta-voz afirmou que Bento XVI mostrou "grande coragem" no seu gesto, e descartou que uma depressão tenha sido o motivo da renúncia.

 Lombardi descartou que Bento XVI vá interferir no papado de seu sucessor.

 Em seu livro de entrevistas publicado em 2010, Bento XVI já havia falado sobre a possibilidade de renunciar caso não tivesse condições de continuar no cargo.

 O últmo precedente parecido da renúncia de um Papa remonta ao ano de 1294, quando Celestino V abdicou antes de ser consagrado. Antes de ser designado Papa, ele havia vivido como um ermitão e disse que não se sentia preparado para assumir o comando da Igreja.

 Repercussão
 A chanceler da Alemanha, país natal do Papa, Angela Merkel, disse que está "emocionada" com a decisão e que vai se pronunciar mais tarde. Leia mais repercussões sobre a saída do Papa.

domingo, 10 de fevereiro de 2013

SEGURIDADE SOCIAL VERSUS SEGURIDADE DO CAPITAL

O Sistema de Seguridade Social (Saúde, Previdência e Assistência Social) é uma conquista da classe trabalhadora fruto das lutas destes que empreenderam pelo mundo nos vários momentos da luta de classes. Apesar dos componentes da Seguridade Social terem surgidos na Alemanha, na década de 1870 foi na década de 1930, durante a Grande Depressão e do fortalecimento da ex- URSS, que o Sistema de Seguridade Social se edifica, especialmente nos EUA. Sua origem na Alemanha ocorreu quando os trabalhadores já tinham chegado ao poder, de 26 de março a 28 de maio, na França durante a Comuna de Paris, em 1871. Todavia, seu ápice vai ocorrer nos países centrais na vigência dos chamados “trinta gloriosos” do pós guerra ou do chamado Estado de Bem Estar Social. Os ataques e ameaças à Seguridade Social vão ocorrer no inicio dos anos 1980, na Inglaterra com Margareth Thatcher e nos EUA com Ronald Reagan, na chamada década perdida, com a introdução do neoliberalismo visando encontrar uma saída para a crise capitalista, marcada pela queda da taxa média de lucro e pela crise fiscal e financeira do Estado capitalista, elevada inflação nos EUA, dificuldade na rolagem da dívida pública estadunidense acompanhado da crescente desvalorização do dólar. Estes ataques ocorrem com a dissolução da Ex- URSS e a restauração capitalista nos países daquele bloco.
No Brasil, este sistema vai ser assegurado na Constituição de 1988. Todavia, mesmo nesta Constituição que afirmava que “a saúde é direito de todos e dever do Estado”, conforme o Art.196, este componente da Seguridade Social foi o pioneiro no processo de privatização. Isto ocorreu mesmo com esta Constituição tendo dado os fundamentos para a criação do Sistema Único de Saúde – SUS via Leis 8.088/90 e 8.142/90, onde o atendimento universal seria garantido pelas três esferas: União Estados e Municípios, onde o município se constituiu no principal responsável pela saúde. Mesmo este fato ocorrendo tardiamente em relação aos demais países, os ataques a estes direitos começaram com a declaração do Ex – Presidente José Sarney que afirmava que “o pais seria ingovernável com aquela Constituição”.
A Emenda Constitucional de 29 de 2000 definiu os percentuais mínimos de cada esfera de governo com a Saúde: União 5%, Estados 12% e 15% dos municípios. Entretanto, a prioridade no pagamento do serviço da dívida pública pelas três esferas de governo acabou flexibilizando os efeitos desta Emenda. No financiamento dos Estados o Fundo de Participação dos Estados – FPE foi afetado pela criação do Fundo Social de Emergência - FSE, que em 1997 como efeito da crise asiática, passou a se chamar de Fundo de Estabilização Fiscal - FEF. A partir de 2000, como efeito da nova quebra de bolsas de valores, o desvio de recursos da Seguridade Social foi legalmente colocado com a DRU - Desvinculação das Receitas da União, permitindo que 20% destes recursos fossem destinados a política de estabilização monetária via juros altos para a rolagem da dívida pública.
Na década de 1930 a saída da crise se fez num cenário internacional definido pela edificação do socialismo e fortalecimento da luta de classes nos países centrais, que resultou na ampliação dos direitos sociais, estatização de grande parte das empresas falidas e montagem de um grande complexo industrial militar que vai impulsionar a partilha do mundo pelas grandes potencias na Segunda Guerra Mundial. Esta retomada da acumulação de capital vai ocorrer bancada por um grande endividamento público. Terminado a Segunda Guerra Mundial tem inicio os “chamados trinta gloriosos” e uma nova etapa da corrida armamentista na chamada Guerra Fria e afirmação do Estado de Bem Estar Social, quando as industrias armamentistas chegaram a capacidade de destruição do planeta terra em 34 vezes. A fase seguinte foi marcada pela retomada da crise capitalista e da crise fiscal e financeira do Estado capitalista e do inicio da fase neoliberal, marcada pela prioridade no pagamento das dividas públicas e nas privatizações das funções do Estado, em especial da Seguridade Social, se constituindo em novo espaço de valorização do capital.
O ataque a Seguridade Social se aprofunda justamente quando a crise capitalista se amplifica, mesmo quando a cada etapa desta, os Estados capitalistas amplificavam os gastos públicos visando conter os seus efeitos, salvando bancos e grandes industriais. Assim, tivemos a recessão de 1974 - 76, a recessão de 1980 - 81, o Crash da Bolsa de Nova Iorque em 1987, a recessão de 1991nos EUA, a quebra das Bolsas de 2000- 2002, a quebra das Bolsas de 2007 - 2008 e seus efeitos atuais. Antes disso, esta crise se manifestou nas chamadas economias periféricas como a crise mexicana em 1995, crise asiática em 1997, crise russa de 1998.
Mais a frente esta crise de superprodução eclode no epicentro capitalista. A gigantesca crise de 2008 revelou a ineficácia da politica neoliberal visando conter a crise, além de explicitar o caráter de classe do Estado, já que somas fantásticas de dinheiro público foram gastas para manter a reprodução capitalista, enquanto se aprofundou ainda mais a dívida pública e o processo de privatização dos serviços e funções do Estado. Tudo isso ocorre quando a politica monetária se mostra incapaz de ativar a economia mundial, já que 80% do PIB mundial está sob taxa básica abaixo de 1% ao ano e estas economias apresentam crescimento pífio. Desta forma aprofunda-se os ataques a Seguridade Social no mundo enquanto os recursos públicos destinam-se cada vez mais para a Seguridade do capital.
No brasil, em 2012, R$ 758 bilhões foram gastos no pagamento do serviço da dívida, enquanto aproximadamente R$ 100 bilhões de dinheiro público foram destinados a outro setor dos capitalistas na forma de incentivos e subsídios. Enquanto isso, no Brasil se aprofunda o processo de privatização de Aeroportos, Portos, Rodovias, Hospitais Universitários e principalmente a Previdência Pública com a introdução do FUNPRESP, justamente quando os fundos de pensão já se revelaram um fracasso como instrumento de desenvolvimento econômico e como garantidor de pensão. O que temos com isso é a substituição da previdência pública e segura, pela previdência privada e de alto risco dado sua dependência do mercado financeiro.
O PT repete a mesma ilusão do Governo Geisel, que acreditava nos anos 1970, que estes fundos seriam geradores de poupança de longo prazo, da expansão do mercado de capitais, de crescimento econômico e garantidor de previdência. Nessa direção, para aprovar esta reforma em 2003 o PT lançou mão da compra de deputados conforme apontou o STF no julgamento do mensalão. Esta crença é a parte fundamental do neo desenvolvimentismo, que tenta dar status de modelo de desenvolvimento ao lulismo – petismo.Estes fundos para garantirem o futuro de alguns trabalhadores sacrificam o presente e o futuro de todos os trabalhadores. Pela anulação da Reforma da Previdência e resgate do Sistema de Seguridade Social. A defesa da Seguridade Social, entretanto, não é tarefa apenas dos trabalhadores brasileiros mas de todos os trabalhadores do mundo.

Por: José Menezes Gomes (Prof. da UFMA, Doutor pela USP e Pós Doutorando em Ciência Política pela UFPE com Bolsa da FAPEMA)