quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Morre importante testemunha do caso Décio Sá


Faleceu hoje, na madrugada, Ricardo Silva, o Ricardinho ou “Carioca”,que estava hospitalizado no Carlos Macieira.
Ele foi vítima de atentado há quase dois meses quando foi baleado na saída de uma condomínio no Turu, no momento em que entrava no seu carro, por volta das 20 horas.
Cariooca ou Ricardinho foi levado para o Hospital São Domingos, onde passou quase duas semanas. Depois foi transferido para o Hospital Carlos Macieira porque sua família não tinha mais condições para pagar o hospital particular.
Ele, segundo a polícia, foi quem avisou o agiota Gláucio Alencar que Fábio Brasil (assassinado em Teresina pelo pistoleiro Jhonatan Sousa) teria contratado um pistoleiro para matá-lo.
Ainda no hospital, Ricardinho se comprometeu em fazer novas revelações aos policiais que investigaram a morte do jornalista Décio Sá.
Os policiais aguardavam a melhoria do seu estado de saúde que se agrava a cada dia e ele nem estava mais falando normalmente.
Com isso, a polícia perdeu uma importante testemunha que sabia muitas coisas não reveladas sobre o assassinato do blogueiro e jornalista Décio Sá.

Do: Blog Luis Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.