quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Batido o martelo: Flávio Dino e Castelo estarão juntos em 2014

 
Foi uma das costuras mais difíceis, mas com resultados exitosos. Misturar a água ao óleo sem diferenças é quase impossível, mas na política nada é impossível, notadamente na do Maranhão.
Há duas semanas estavam sendo alinhavados acertos para que o PSDB do ex-prefeito João Castelo se unisse ao PCdoB de Flávio Dino. Costura daqui, alinhava acolá, faz ponto aqui, evita talhes da tesoura lá e tudo deu como esperado.
Trouxeram a linha do PSDB no Maranhão e entregaram a renda do PCdoB e Castelo e Flávio Dino mostraram os mistérios da fazenda. Vitoriosos na empreitada os deputados Carlos Brandão e, pasmem os senhores, Pinto da Itamaraty.
Castelo, antes criticado pelo presidente da Embratur como símbolo do atraso, agora virou moderno e até cosmopolita. Dino, antes tido por Castelo como o pior aventureiro da política do Maranhão, agora é revolucionário, o salvador da pátria.
Política, afinal, tem dessas coisas: a união dos contrários. Quando os interesses se confrontam, melhor acertar o caminho da paz, dos diálogos pelo Maranhão, do oportunismo.
Acordos que em nada diferem dos tempos passados. O nosso futuro político é o presente e o nosso presente político é o espelho do passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.