quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Aliança de apoio a Luís Fernando terá 15 partidos

Da coluna Estado Maior
Os articuladores do grupo liderado pela governadora Roseana Sarney já começam a trabalhar no sentido de consolidar a base da aliança partidária que deve sustentar a pré-candidatura de Luis Fernando Silva ao Governo do Estado. A base é formada por PMDB, PT, PSD, PV, DEM, PTB, PSC, PTdoB, PSL, PRTB, PMN e PR, podendo contar ainda com PHS e PEN, entre outros.
O PMDB é o carro-chefe da coligação, tendo DEM, PSD, PTB, PV e PSC como aliados incondicionais. O PT é presença garantida na coligação, mas no momento passa por ajustes internos depois da saída de Washington Oliveira, que foi para o Tribunal de Contas do Estado, e dos deputados Domingos Dutra e Bira do Pindaré, que deixaram o partido – o primeiro entrou no Solidariedade e o segundo no PSB – e do processo que elegeu a nova direção partidária.
PSL, PRTB, PTdoB, PMN e PR são aliados de primeira hora e já têm posição definida na aliança que embalará a corrida do pemedebista Luis Fernando Silva ao Governo do Estado. Todos esses partidos, por meio de suas lideranças no estado, já conversaram com os articuladores da aliança e se manifestaram decididos a dela participar.
O aspecto mais discutido da aliança são as coligações proporcionais. Há partidos que querem participar do chapão para deputado federal e deputado estadual, mas há outros que preferem coligações menos numerosas, e uns poucos cujo projeto é não se coligar, preferindo lançar suas próprias chapas para a Câmara federal e Assembleia Legislativa.
A rigor, nenhum problema grave. A aliança pode reunir até 15 partidos. Vale aguardar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.