sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Artesanato e espírito natalino unidos no shopping

A variedade de oferta surpreende visitantes durante a Feira de Natal da Economia Solidária, que abriu a temporada nesta quarta-feira (18), no São Luís Shopping, numa promoção da Secretaria de Estado do Trabalho e da Economia Solidária (Setres). Toalhas de mesa, bolsas, chapéus, biojoias em fibra de buriti, renda de bilro, sementes e cascas de palmeiras maranhenses transformados em belos colares; esculturas em argila que valorizam personagens do folclore local, retratando caboclos de pena, o bumba-meu-boi, presépios natalinos e a Sagrada Família são muitas das opções da feira.
A ideia de fazer a Feira de Economia Solidária dentro de um shopping nasceu em reunião realizada entre o secretário de Trabalho e Economia Solidária, José Antônio Heluy; o executivo Sílvio Leite, do Grupo Houston S/A, um dos empreendedores do São Luís Shopping e o superintendente do shopping, Ireno Carvalho, que resolveram agregar o simbolismo do artesanato maranhense ao período natalino naquele espaço.
Durante toda a quarta-feira, o espaço foi bem visitado pelos clientes do shopping, que aprovaram a oferta de artesanato no ambiente. "É ideal para comprarmos presentes de última hora e até para buscar um enfeite natalino, que tem muito por aqui", revelou a advogada Luciana Brito, que foi ao shopping encontrar amigos. "Uma amiga até escolheu o presente que queria ganhar neste Natal", comentou.
A artesã Lúcia Franco, que está expondo e comercializando biojoias e bijuterias, conta que o movimento de visitantes e compradores foi muito bom. "É gratificante perceber o interesse que o artesanato desperta nas pessoas. São produtos feitos com amor e dedicação, e acredito que isso faça toda a diferença na hora de presentear ou enfeitar a sua casa", ressaltou.

Parceria
Heluy explica que a Feira de Natal da Economia Solidária é um projeto consolidado, tendo sido realizada nos últimos três anos pela Setres, buscando canais de distribuição do que é produzido pelos grupos de Economia Solidária atendidos pela secretaria. "Este ano tivemos a oportunidade de trazer a filosofia da Economia Solidária para um lugar amplo, bem visitado e que traz um clima de Natal em sua ambientação; casando nossa proposta com a proposta do shopping, em oferecer opções de presentes a todo e qualquer visitante do local", ressaltou o secretário.
Ainda nesta quinta-feira (19), às 19h, durante a programação da Feira de Natal, os Correios realizam o lançamento nacional do Bloco dos Selos Comemorativos e do Carimbo "Buriti - importância, beleza e utilidade", que passam a circular em todo o país ainda este ano. Segundo a superintendência dos Correios no Maranhão, a escolha do buriti se deu pelo fato da palmeira ser uma das mais representativas da cultura maranhense, além de se mostrar útil para diversas finalidades - dentre elas, o artesanato.
A Feira de Natal da Economia Solidária permanece até o dia 30 de dezembro, na galeria lateral ao Louvre Magazine, no São Luís Shopping - Jaracaty.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.