segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

“Operação Impacto”,24 bandidos tomba em confronto com a polícia em São Luís

Nada menos que 24 bandidos já morreram este ano em confrontos com a polícia na região metropolitana de São Luís. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública, que qualifica esse tipo de ocorrência como “homicídios decorrentes de intervenção policial”.
O caso mais recente aconteceu no último dia 10, na Vila Bom Viver, em Raposa, e teve como vítima Rodrigo da Silva Dias, 18 anos, morto ao sacar um revólver durante uma abordagem policial.
Companheira chora a morte de Rodrigo Silva Dias, 18 anos, que tombou em confronto com a PM na Raposa, no dia 10 deste mês
Os números provam que nem sempre os bandidos levam a melhor por sua ousadia. Às vezes, pagam com a própria vida pela atitude audaciosa.
Em meio à guerra do tráfico e à disputa sangrenta entre facções criminosas, tem sido cada vez mais comum traficantes, homicidas e assaltantes reagirem às intervenções da polícia. Felizmente, as forças de segurança têm respondido à altura.
O mês em que mais morreram bandidos em confronto com a polícia foi novembro, com seis concorrências, registradas nos bairros Itapiracó, Cohama, Sacavém e Vila Cascavel, todos na capital.
Por coincidência, foi o período em que houve a troca de comando da Polícia Militar e a consequente mudança de filosofia na repressão ao crime, com resultados já bastante visíveis. Já em maio e julho, meses em que a violência atingiu níveis alarmantes, não houve um único registro.
Para punir o crime existe a lei. Portanto, não defendo a execução desenfreada de bandidos. Mas, se for para morrer em combate, que sejam os que escolheram, por vontade própria, o caminho errado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.