sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Polícia em estado máximo de alerta: ataques podem acontecer agora no final da tarde

O Serviço de Inteligência da Polícia Militar detectou agora a tarde uma operação criminosa montada para espalhar terror e pânico em São Luís. O Plano inclui tocar fogo em ônibus e matar militares.
Segundo o Serviço de Inteligência, os ataques poderão acontecer após o enterro de Liliane Silva Vilas Boas, morta na troca de tiros entre policiais da  Superintendência Estadual de Investigações Criminais e o esposo dela, identificado como Márcio Patrão, na noite de ontem no Bairro de Fátima.
Ontem, um integrante de uma facção criminosa, invadiu a frequência de rádio da PM, e ameaçou matar policiais militares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.