segunda-feira, 21 de abril de 2014

Tucanos de Imperatriz vão pra rua com a bicicletinha do PMDB

Imperatriz, MA. Uma parte dos apoiadores do prefeito tucano Madeira, de Imperatriz, a segunda maior cidade do Maranhão, ainda permanecem na oposição ao clã Sarney. É o caso do vice-prefeito Luiz Carlos Porto, do PPS, ex-vice-governador do estado e pré-candidato a uma vaga na Câmara Federal.

Madeira, Roseana
Madeira e Roseana e um só candidato ao governo do Maranhão
Estes mesmos setores ficaram animados com o anúncio da adesão do presidenciável Aécio Neves ao candidato do Partido do Maranhão, Flávio Dino. Por um instante, eles davam como certo, o retorno de Madeira às hostes da oposição, onde nasceu para a política.

Antes, com a escolha do senador Lobão Filho para suceder Luís Fernando como pré-candidato do PMDB ao Palácio dos Leões, sede do governo maranhense, velhos oposicionistas também saltitaram.

Quando a governadora Roseana Sarney preteriu o pai, o ministro Lobão, da disputa palaciana, Madeira ajudou ao comprar brigas paroquiais com o auxiliar da presidenta Dilma.

Os ainda oposicionistas davam com penas contadas, o afastamento de Madeira dos Leões. Ledo engano.

E em 2014, não dá para fazer como na eleição municipal de 2012 quando o prefeito mascarou sua campanha ao chutar o PMDB da sua coligação, numa manobra de última hora. Relembre aqui.

Para desespero destes que pretendiam retornar para o leito da oposição, Madeira vai mesmo montar na bicicleta peemedebista. Agora, simbolicamente, todos poderão ver a cor da calcinha do prefeito. E quem integra o seu governo terá de fazer o mesmo.

A tucanada de Imperatriz vai ter de liberar geral, vestir saia e ir para a rua na bicicletinha do PMDB!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.