segunda-feira, 26 de maio de 2014

Lançamento "Constelação de Sonhos"

               
Acontece nesta sexta-feira (30), na Grande Loja Maçônica do Estado do Maranhão (Glema), em São Luís, às 20h, o lançamento do livro "Constelação de Sonhos: Lindas e Inesquecíveis Poesias" de Benedito Lemos e Geraldo Melo. A obra, resultado de 10 anos de pesquisas, contêm poesias de renomados autores do Brasil, Portugal, França e Inglaterra.
         Dentre eles, Aluisio Azevedo, Casimiro de Abreu, Cartola, Drummond de Andrade, Goethe, Gonçalves Dias, João do Vale, Menoti Del Picchia, Olavo Bilac, Victo Hugo, Rui Barbosa, Rossini Corrêa, Patativa do Assaré, Osório Duque Estrada, Olegário Mariano, Manuel Bandeira, José Saramago, José Chagas, Gregório de Matos, Geraldo Vandré, Florbela Espanca, Fernando Pessoa, Dunsshee de Abranches, Camões, Bocage, Baudelaire e Arthur Azevedo.
         Para a professora Francisca Bulhão de Queirós, que assina o prefácio do livro,  em Constelação de Sonhos, Benedito Lemos e Geraldo Melo, numa demonstração de rara sensibilidade artística e estética, selecionaram o que há de mais expressivo na produção literária, além de traçar com sabedoria e precisão o perfil de cada um dos poetas que fazem parte da obra.
         “É uma obra em que a arte literária é tratada com todo o respeito a que faz jus. Os poetas não são “classificados” por origem ou nacionalidade; não há discriminação quanto ao gênero, à classe social, à preferência temática, ao credo, à concepção política e filosófica, ao estilo, ou à localização no tempo e no espaço”, ressalta.
         Segundo ela, o local, o regional, o nacional e o mundial dividem o mesmo espaço, recebem o mesmo tratamento respeitoso. “Todos estão dispostos em ordem alfabética, visto que cada um traz em si a sua grandeza, o seu talento e a sua contribuição para tornar o mundo mais belo, mais plural, mais democrático”, enfatiza Francisca Bulhões ao acrescentar que “a única medida usada é a do amor à Literatura, que dentre as Belas Artes é a que se utiliza, de forma mais efetiva, da palavra enquanto elemento fundamental ao processo de criação”.
         Os autores - Natural de Pedreiras, Benedito Lemos é Bacharel em Direito e Ciências Sociais pela Faculdade de Direito de São Luís. Obteve monção de destaque no curso de Administração Tributária da Escola de Administração de Recife (PE), em 1972.
         Desempenhou funções administrativas no Departamento de Estradas de Rodagem do Maranhão, no Cotoníficio Cândido Ribeiro e na Petróleo Brasileiro S/A (Petrobás). Exerceu ainda o cargo de secretário de Administração em Pedreiras. Juiz estadual concursado em primeiro lugar, recusou sua nomeação, para o exercício da advocacia.
         Foi ainda procurador do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e professor da Universidade Federal do maranhão (Ufma), além de articulista do Jornal do Povo de São Luis/Ma.
         Geraldo Melo, natural de Nazaré (PE), estudou para ser sacerdote católico durante seis anos no Seminário de Olinda. Convertido ao Evangelho, fez o Seminário Teológico do Norte e é graduado em Pedagogia Cristã pela Faculdade Teológica Universal.
         Dedicou-se ao magistério por 28 anos como professor de Língua Portuguesa em vários colégios de Pedreiras e de Língua Latina na Universidade Estadual do Maranhão e na Faesf. É autor de duas Gramáticas Normativas de Língua: "Pontos de Gramática" e "Síntese da Língua Portuguesa". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.