sábado, 23 de maio de 2015

ASTRO SERÁ CANDIDATO A PREFEITO

 


Nos últimos anos tivemos um prefeito que não vai às festividades da Igreja Católica, não apoia o São João, deixou de realizar o Carnaval, não apoia grupos étnicos, não apoiou a parada do orgulho sexual, xenifobismo total, de quem não deveria, o representante de todos os são luisenses ou ludovicenses. 

Para ser prefeito, tem que ter identidade e responsabilidade por todos seus munícipes, independente de sua orientação, política, religiosa, espiritual, sexual, étnica e racial, coisa que o atual prefeito de São Luís não sabe distinguir ou encarar. Não ir ao lançamento de um Carnaval ou São João de uma cidade que tem como forte o folclore é uma barbaridade político-cultural. 

Não investir e apoiar grupos que representam parcela significativa da sociedade, é uma barbaridade político-social. Em São Luís, outras candidaturas que estão germinando tem o mesmo tronco e preconceito de orientação sócio-religiosas, pois, misturam a Igreja com a Política Partidária.
Sob todos estes fatos, e contra fatos não há argumentos, a prova é que a atual administração tem um índice de reprovação de 70%.

Contra tudo isso que externei, vejo na pré-candidatura do Astro uma bandeira de liberdade entre os diversos povos Ludovicenses, dos terreiros aos círculos de orações evangélicos, do candomblé ao espiritismo, do erudito ao popular, enfim, de gente que não faz distinção entre o PRETO e o BRANCO e lutam, unidos, uníssonos pela melhoria desta nossa linda e ao mesmo tempo mau administrada São Luís.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.