quarta-feira, 29 de junho de 2016

Secs-Balaio de Sotaques Sesc anima fim de semana

A temporada junina do Sesc chega ao seu ápice neste fim de semana com atrações nas Unidades Deodoro, Turismo, Itapecuru e Raposa. Na sexta-feira (24), Dia de São João, o Balaio de Brincadeiras resgatou as tradicionais brincadeiras juninas e abriu a programação no Sesc Deodoro. Em Itapecuru-Mirim, a festança foi comandada pelos alunos do Programa de Habilidade de Estudos (PHE) e Educação de Jovens e Adultos (EJA. No Sesc Turismo, as simpáticas integrantes do Trabalho Social com Idosos interagiram com o público na apresentação do Boi Brilho do Sesc. No sábado (25), o Sesc Comunidade recebeu os moradores da Raposa para a celebração das tradições culturais do São João.

As festas juninas não envolvem apenas comidas e bebidas típicas, mas uma série de brincadeiras especiais para a celebração de São João. Mais um ano, os alunos da Educação Infantil do Sesc participaram dois dias do Balaio de Brincadeiras que tem como objetivo resgatar a tradição cultural do sertanejo praticamente desconhecida embora muito divertida. As brincadeiras escolhidas foram: tomba-lata, passa chapéu, ovo na colher, pula fogueira e pescaria.

No Sesc Turismo, as integrantes do Trabalho Social com Idosos do Sesc abriram a agenda da sexta-feira com uma belíssima apresentação ao som do sotaque de orquestra. O grupo animou o público de tal forma que o espetáculo de cores e brilhos encerrou com a participação da plateia na última dança.

Na área externa, onde foi montada a praça de alimentação com barracas de comidas típicas e de brincadeiras, os visitantes apreciaram o melhor do xote e baião com o grupo Kambada do Forró, programação que para a aposentada Conceição Furtado, 58 anos, estava muito boa. “Vim convidada pela minha irmã, que é associada do Sesc, e estou encantada com tudo. Gostei de tudo”, garantiu.

A irmã da Conceição explica porque recomenda o Balaio de Sotaques: “Em relação a outros arraiais da cidade, o do Sesc proporciona um ambiente familiar, segurança, sem contar os preços são mais acessíveis!”, contou Elizabeth da Trindade, 57 anos, funcionária pública.

A sexta-feira de São João no Sesc Turismo contou ainda com apresentação do Boi da Lua, Boi de Morros encerrando com Boi da Floresta.

No último dia de programação na Unidade do Olho D’Água, a área externa foi animada pelo show musical com o grupo Xote e Baião, enquanto na quadra o público contemplou o toque das caixas do Divino embaladas pela dança sensual do Cacuriá de D. Teté.

“É o terceiro ano que venho ao arraial do Sesc, primeiro porque é perto da minha casa e depois porque simpatizei com todo o ambiente e as brincadeiras escolhidas”, explicou a aposentada Rosa Maria Martins Cardoso, 65 anos.

Com tantos pontos positivos apontados pelos visitantes, a avaliação feita pela Diretora de Programas Sociais do Sesc, Regina Soeiro, que esteve presente todos os dias de programação na Unidade Turismo, a proposta de atender a demanda de difusão da cultura com acesso às manifestações foi cumprido. “Ouvi muitas opiniões favoráveis quanto ao arraial promovido pelo Sesc e isso se reflete na presença do público que foi intensa, principalmente nos dois últimos dias de programação”, destacou.

No sábado a programação que contou com a apresentação do Encanto do Olho D’Água  e Tambor de Crioula de Mestre Felipe encerrou com o famoso Boi de Axixá. A agenda do Balaio de Sotaques encerra no Sesc Deodoro na terça-feira (28), com Quadrilha Flor do Sertão, Boi de Morros, Boi de Guimarães e o batalhão do Boi de Maracanã, iniciando a partir das 18 horas. Entrada gratuita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.