sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Cel. Sá fala sobre as atividades desempenhadas pela Academia

Com a chegada do final de ano o Comandante da Academia de Polícia Militar Gonçalves Dias (APMGD), Coronel Raimundo Nonato dos Santos Sá fez um balanço das atividades desempenhas pela referida unidade de ensino ao longo de 2016.
A APMGD foi criada em 26 de abril de 1993, através da Lei Estadual N.º 5.657, no governo Edison Lobão, instalando-se na BR 135, Km 02, local onde atualmente funciona o Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP) e a Companhia de Polícia Rodoviária Independente (CPRv Ind). Ali permaneceu até o ano de 1999, quando foi transferida para o Complexo Policial Militar do Calhau. Ao longo dos seus 22 anos, vem colocando em prática uma filosofia de respeito à vida, à integridade física e à dignidade da pessoa humana, sustentados principalmente pela garantia dos direitos humanos em alcance à sonhada cidadania, objetivando acima de tudo a prestação de um melhor serviço à sociedade maranhense.
Coronel Raimundo Sá revelou que atualmente há 3 cursos em andamento na Academia, totalizando aproximadamente 250 militares em formação ou requalificação:
· Curso de Formação de Oficiais (CFO), a parceria entre a Polícia Militar e a Universidade Estadual do Maranhão tem como finalidade formar os futuros Oficiais da Corporação;
· Curso de Habilitação de Oficiais (CHO), realizado nas modalidades presencial e de ensino à distância (EAD) através de convênio entre PMMA, Ministério da Justiça e SENASP (Secretaria Nacional de Segurança Pública), cujo objetivo é habilitar os 1º Sargentos da Instituição para serem promovidos ao posto de Subtenentes;
· Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO), na modalidade Pós-Graduação e em parceria com a Universidade Federal do Maranhão, o Curso de Especialização em Gestão Pública (CEGESP) direcionados aos Oficiais que ocupam o posto de Capitão, além de capacitar os mesmos a serem promovidos ao posto de Major, propicia conhecimentos necessários para ocuparem cargos estratégicos na Corporação.
Os cursos são compostos por disciplinas inerentes à atividade policial, como, Abordagem, Criminologia, Direito, Técnica e Tiro Policial, Legislação Institucional, Gestão e Logística, Defesa Pessoal, Saúde Física, dentre outras, há também aquelas que promovem a formação cidadã dos militares como Direitos Humanos e Polícia Comunitária. Além disso, o Coronel Sá destacou que na sua gestão tem incentivado a participação dos alunos em atividades extracurriculares como o Seminário de Direito no Trânsito, XXXIII Jornada Acadêmica de Direito, ambos realizados no último mês de agosto, III Seminário do Curso de Formação de Oficiais, com o tema “Integração dos Atores da Segurança Pública: interagir para promover” realizado no mês de outubro, além das Ações Sociais na Ilha de Jacamim ocorrida em março e no Asilo de Mendicidade de São Luís concretizada neste mês de dezembro. Para o oficial essas iniciativas proporcionam melhor conhecimento e capacitação, preparando os futuros Oficias da Polícia Militar para o enfrentamento qualificado da criminalidade no Estado.
O Comandante da Academia declarou que também apoia a prática esportiva entre os militares, pois ele considera de suma importância uma boa aptidão física para o desempenho da atividade policial. Prova disso, é o incentivo na realização de campeonatos internos, participação da academia nos campeonatos promovidos pela PMMA e também campeonatos externos, obtendo lugar de destaque como na I Corrida e Caminhada Solidária Podemos Fazer +, promovida pela Igreja Adventista do Sétimo Dia do bairro Monte Castelo no último mês de novembro, onde os cadetes Rebouças e Penha, foram primeiro e terceiro lugar na corrida de 4km respectivamente.
Como forma de aperfeiçoar os conhecimentos adquiridos na Academia, os cadetes (alunos do CFO) e os demais alunos participam rotineiramente de Operações realizadas pelos Batalhões da Corporação, como o policiamento em jogos de futebol, centros comerciais nos bairros do São Francisco e Renascença, Shoppings da capital, além de participarem do patrulhamento nas praias como a Litorânea. Ele ainda destacou a atuação efetiva dos integrantes da APMGD no período de instabilidade ocorrido no mês de outubro próximo ao pleito eleitoral, na ocasião criminosos tentaram aterrorizar a população com ataques à coletivos e ao patrimônio público. E que no período do Réveillon, 30,31 e 01 a maior parte do seu efetivo estará à disposição para trabalhar nos shows que acontecerão em toda a cidade, bem como nos eventos da orla marítima.
Finalizando, o Coronel Sá deixou uma mensagem de final de ano: “estou muito orgulhoso por participar hoje como timoneiro dessa notável instituição de ensino. Em primeiro lugar priorizamos o conhecimento, a pesquisa e a extensão, para melhor formar e aperfeiçoar os futuros oficiais da Corporação. Gostaria de desejar a todo corpo docente e discente da APMGD, bem como a todos Oficiais, Praças e funcionários civis da Polícia Militar, que o ano de 2017 seja repleto de realizações e que os conhecimentos adquiridos nessa academia contribuam para diminuir de forma significativa e de maneira qualificada a criminalidade no nosso Estado. Aproveitou também para convidar todos alunos, seus familiares e público em geral para participar da confraternização que será realizada no dia 20 de janeiro de 2017 na Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB), na avenida dos Holandeses, bairro Calhau.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.