terça-feira, 29 de maio de 2018

José Reinaldo reage a ataques e faz alerta sobre “barco que está afundando”

O deputado federal José Reinaldo (PSDB) manifestou-se, na manhã desta terçafeira (29), sobre declarações do ex-prefeito de Imperatriz Sebastião Madeira. Irritado com recentes comentários feitos pelo deputado e ex-governador, Madeira chegou a alertar Zé Reinaldo, dizendo que se continuasse a defender a candidatura de Eduardo Braide (PMN) ao governo do Estado poderia perder a vaga de candidato a senador no PSDB.

Os tucanos maranhenses já anunciaram o nome do senador  Roberto Rocha como pré-candidato à sucessão do governador Flávio Dino.

Zé Reinaldo insiste no nome de Eduardo Braide como um "jovem carismatico" que pode significar mais uma opção aos eleitores como candidato a governador.

Zé Reinaldo, ao responder a Madeira, adverte que não irá se intimidar: “Conheço Madeira e sei que ele não servirá como tábua de salvação para nenhum tripulante de um barco que está afundando”, arma o deputado e ex-governador, neste comunicado: “Por compreender que o equilíbrio de todo e qualquer debate público é exercido, com legitimidade, somente na plena vigência da democratização do acesso à informação, utilizo este expediente para fazer esclarecimentos à população maranhense e à classe política em geral. 

Desde que me posicionei a favor da candidatura do deputado estadual Eduardo Braide ao Governo do Estado, tenho sido alvo de constantes ataques sob o comando do poderio econômico e político que – em desrespeito ao papel fundamental da imprensa – usam prossionais da comunicação para mandar recados a mim, sem que o meu ponto de vista possa sequer ser manifestado. 

É de conhecimento público que sempre fui um político acessível a todos, inteiramente aberto ao diálogo e jamais me furtaria à ocasião de conversar com membros de qualquer partido – ainda mais com quadros relevantes do PSDB como Sebastião Madeira e Roberto Rocha, partido ao qual estou ocialmente liado. Nutro um enorme respeito pelo ex-prefeito e ex-deputado Sebastião Madeira, que neste momento, entre útil e afoito, tem sido desbragadamente usado para atender aos interesses dos mais afetados pela ameaça de uma terceira via nas eleições deste ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.