segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

RANKING DOS VEREADORES DE RAPOSA-MA NO BIÉNIO 2017/2018



























MENSAGEM DE NATAL E ANO NOVO DO PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE RAPOSA


quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

VARGEM GRANDE - CB faz demissão em massa, mas não demite a cunhada que recebe sem trabalhar

O prefeito Carlinhos Barros alegando crise demitiu parte dos funcionários da prefeitura neste fim de ano. Em alguns casos aproveitou para demitir e ao mesmo tempo se vingar dos vereadores que derrotaram seu irmão na eleição da Câmara.

Na Secretaria Municipal de Cultura, ele demitiu do vigia ao secretário.

Um fato curioso tem chamado atenção na cidade, a sua cunhada Jorismar Garreto Barros, esposa do Secretário de Obras, Barros Filho e a mesma também é cunhada do vereador Diegão da Madeireira, é nomeada com um super salário que passa dos 4 mil reais, sem prestar um dia de trabalho na cidade.

Ela foi nomeada Nutricionista do Hospital e depois Coordenadora do NASF. 

Documentos comprovam que Jorismar já é acostumada a receber sem trabalhar, nas duas administrações antes do seu cunhado CB, ela recebia também sem trabalhar como Nutricionista do Nasf.

QUATRO CORONÉIS DA PMMA SÃO CONDECORADOS COM A MEDALHA DO MÉRITO ELEITORAL PELO TRE-MA

Aconteceu na tarde da última sexta-feira (14), na sede do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), localizado na Avenida Senador Vitorino Freire – Areinha, São Luís, a solenidade de entrega da Medalha do Mérito Eleitoral do Maranhão – (Medalha Arthur Quadros Collares Moreira), onde quatro coronéis da Polícia Militar do Maranhão foram agraciados.
Receberam a honraria os coronéis Jorge Allen Guerra Luongo (comandante geral da PMMA), Pedro de Jesus Ribeiro dos Reis (subcomandante-geral da Corporação), Ismael de Souza Fonseca (comandante do Centro Tático Aéreo) e Eurico Alves da Silva Filho (comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) e coordenador de planejamento da PMMA nas Eleições 2018. A entrega da medalha foi realizada pelo Presidente do TRE-MA, desembargador Ricardo Duailibe e contou com pleno do TRE, além de autoridades civis e militares.
Sobre a Medalha
A Medalha do Mérito Eleitoral Ministro Arthur Quadros Collares Moreira destina-se a homenagear pessoas físicas e entidades, nacionais e internacionais, nas classes de juristas, servidores da Justiça Eleitoral e colaboradores que mereçam especial distinção por seus méritos e relevantes serviços prestados. Ela foi instituída pelo TRE-MA em 12 de agosto de 2003 e recebeu esse nome em memória ao primeiro maranhense a tomar assento na Corte do Tribunal Superior Eleitoral.
O presidente do TRE, desembargador Ricardo Duailibe, enalteceu as qualidades de cada agraciado e lembrou que a homenagem é simples, mas autêntica e legítima, e que todos do Regional estão convencidos que foi uma homenagem das mais justas.

FORMATURA PROERD 2018

Aconteceu na manhã desta quarta-feira dia 19 de Dezembro no templo central da igreja evangélica Assembleia de Deus em Imperatriz a solenidade de formatura de aproximandente 900 ( novecentos) alunos do Proerd da rede Municipal de Imperatriz, a solenidade contou com a presença do comandante do CPAI 3, Coronel Arquimedes Silva BRITO o comandante do 3° BPM Ten Coronel ILMAR  Lima Gomes, Secretário de Educação de Imperatriz, representantes do 14°  BPM, do Exército, da Marinha e de muitas empresas parceiras e apoiadoras do Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência.
Na solenidade foram premiadas os alunos que mais se destacaram na produção das redações Proerd onde os alunos produzem um texto relatando o que aprenderam durante as aulas sobre os efeitos prejudiciais das drogas, os alunos  também assumiram o compromisso de viver longe das drogas e evitar a violência.
Portanto o Proerd se consolida como um fator de proteção para as crianças e adolescentes formando cidadãos conscientes, saudáveis e fortes para que tenham uma vida mais saudável, sem drogas e sem violência.
3° BATALHÃO POLICIA MILITAR

SECRETÁRIO ADJUNTO SAULO DE TARSO PARTICIPA DO ENCERRAMENTO DA CAMPANHA 16 DIAS DE ATIVISMO

Na manhã da segunda-feira (10), a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, reafirmou por intermédio do Secretário adjunto Saulo De Tarso, que participou na Casa da Mulher Brasileira do evento de encerramento da Campanha dos 16 dias de ativismo, a luta da violência contra a mulher.
Veja vídeo:


Campanha
A Campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres é uma mobilização anual, praticada simultaneamente por diversos atores da sociedade civil e poder público engajados nesse enfrentamento. Desde sua primeira edição, em 1991, já conquistou a adesão de cerca de 160 países. Mundialmente, a Campanha se inicia em 25 de novembro, Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher, e vai até 10 de dezembro, o Dia Internacional dos Direitos Humanos, passando pelo 6 de dezembro, que é o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.
O evento
A cerimônia contou com a presença das Delegadas Kazumi Tanaka, Viviane Azambuja, Wanda Leite, da Comandante da Patrulha Maria da Penha, Coronel Augusta Andrade, do Superintendente da Polícia Técnico-Científica, Miguel Alves, de líderes de movimentos de proteção às mulheres e da sociedade em geral.
Durante o evento foram realizadas palestras de conscientização, apoio e incentivo à denúncia em casos de agressão seja esse qualquer tipo de agressão contra a mulher.

Justiça concede saída temporária de "NATAL" para 809 presos no Maranhão

A 1ª Vara de Execuções Penais da Comarca da Ilha de São Luís (VEP), que abrange os municípios de São José de Ribamar, Raposa, Paço do Lumiar e São Luís, editou Ofício no qual informa a lista de recuperandos do regime semi-aberto que estão aptos a serem beneficiados com a Saída Temporária de Natal. O documento, que tem a assinatura do juiz titular Márcio Brandão, apresenta 809 nomes de recuperandos que preenchem os requisitos da Lei de Execução Penal (LEP). 

Segundo o Ofício, o benefício tem início às 9h da manhã da próxima sexta-feira, dia 21, e encerra no dia 27, quinta-feira, às 18h, aos recuperandos que estejam presos por outros motivos.

A Lei de Execução Penal destaca que a autorização para saída temporária é concedida por ato motivado do juiz, ouvidos o Ministério Público e a administração penitenciária. Para ter direito ao benefício, o interno do regime semiaberto precisa ter cumprido, no mínimo, 1/6 (primários) ou 1/4 da pena (reincidentes); apresentar comportamento adequado na unidade prisional, além da compatibilidade entre o benefício e os objetivos da pena.

O Ofício que concede a saída temporária do período natalino determina que os internos contemplados com o benefício deverão recolher-se às suas residências até as 20 horas e não poderão viajar para outro Estado. Não podem, ainda, ingerir bebidas alcoólicas; portar armas; e frequentar festas, bares e/ou similares. O juiz também determinou que os dirigentes dos estabelecimentos prisionais devem comunicar sobre o retorno dos internos no dia 28 de dezembro.

Sobre a saída de presos, a 1a Vara de Execuções Penais informou à Secretaria de Estado de Segurança Pública, Secretaria de Estado de Administração Penitenciária, Superintendência da Polícia Federal, Superintendência de Polícia Rodoviária Federal, e diretorias dos estabelecimentos penais de São Luís, para operacionalização das medidas estabelecidas pelo Poder Judiciário do Maranhão.

LEGISLAÇÃO – A Lei de Execução Penal disciplina que o benefício da saída temporária será automaticamente revogado quando o beneficiário praticar fato definido como crime doloso; for punido por falta grave; desatender as condições impostas na autorização ou revelar baixo grau de aproveitamento do curso, quando for o caso. A recuperação do direito à saída temporária dependerá da absolvição no processo penal, do cancelamento da punição disciplinar ou da demonstração de merecimento do condenado.

terça-feira, 18 de dezembro de 2018

Câmara Municipal de Raposa faz prestação de contas de forma pública inédita


A Câmara Municipal de Raposa realizou sessão, na Manhã da última sexta-feira, 14 de dezembro, para apresentar a prestação de contas referente ao ano de 2018. Durante a sessão, o diretor administrativo da Câmara, Júlio Cesar Sousa Ferreira, e servidores do setor de contabilidade da Casa, detalharam os gastos realizados.

Esmiuçaram compra de material de expediente, pagamento de folha de pessoal e manutenção de ar-condicionado e fiação elétrica e reforma da sede do Poder Legislativo municipal.

Para o presidente da Câmara, vereador Beca Rodrigues (PCdoB), a prestação de contas mostra a transparência na administração da Casa Legislativa, em cumprimento a Lei Orgânica do Município, que determina que a Câmara deve apresentar ao Plenário o balancete relativo aos recursos recebidos e às despesas realizadas.

Sugestões

Alguns vereadores aproveitaram o momento para esclarecimento de dúvidas e apresentação de sugestões.
O parlamentar Joaquim Souto (PRB), por exemplo, ressaltou que a prestação de contas tem melhorado ainda mais nesta gestão.

A prestação de contas da Câmara Municipal foi transmitida ao vivo pelo Facebook, A voz da Raposa e pode ser acompanhada também através do endereço eletrônico https://youtu.be/v-WXMtcVFKA .
Todos esses dados também estão disponíveis de forma permanente, no Portal da Câmara Municipal de Raposa.


segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

PCC planeja matar Secretário de Segurança, Deputado Estadual e secretário da Administração Penitenciária

O Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco) descobriu que o Primeiro Comando da Capital (PCC) tem cinco alvos em seu plano de atentados contra autoridades em São Paulo. O atual secretário da Administração Penitenciária (SAP), Lourival Gomes, e o deputado estadual Coronel Telhada (PP) completam a lista que tem o ex-secretário da Segurança Pública Antonio Ferreira Pinto, o promotor Lincoln Gakiya e o coordenador dos presídios na região oeste do Estado, Roberto Medina.
A descoberta da existência de novos alvos da facção criminosa foi relatada na sexta-feira, 14, pelos promotores de Justiça Sebastião José Penna Filho Brasil, do setor de inteligência do Ministério Público de São Paulo, e Amauri Silveira Filho, secretário executivo do Gaeco, ao procurador-geral de Justiça Gianpaolo Poggio Smanio. “Considerando a gravidade, levamos estes fatos ao conhecimento de vossa excelência, com a sugestão de que as autoridades nominadas sejam comunicadas”, escreveram os promotores.
De fato, todos os citados no documento foram informados pelo MPE sobre os planos da facção e colocados sob escolta policial. A ordem para matar as autoridades seria uma represália à possível transferência de Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, para o sistema prisional federal. Atualmente, o líder máximo da facção está com parte da cúpula do grupo na Penitenciária 2 (P2) de Presidente Venceslau, na região oeste do Estado. Marcola é o único líder de facção criminosa que permanece fora do sistema federal.
Ferreira Pinto, ex-secretário da Segurança Pública e da Administração Penitenciária, foi o primeiro dos alvos a ser posto sob escolta da PM. O plano para matá-lo foi descoberto há quase um mês pela inteligência da PM e agora foi confirmado pelo Gaeco. No dia 8, a polícia prendeu em Presidente Venceslau Maria Elaine de Oliveira e Alessandra Cristina Vieira que iam visitar os presos Julio Cesar Figueira e Mauro Cesar dos Santos Silva, ambos detidos no Raio 1 (seção da cadeia) da P2, o mesmo onde está Marcola. Com as duas, os policiais encontraram mensagens codificadas que foram decifradas. O texto relatava os preparativos da facção para matar Medina e Gakiya, que é especializado em investigar a facção criminosa.
07jul2006---pichacao-do-pcc-em-casa-de-policial-militar-em-sao-paulo-1516892520327_v2_900x506
Fontes
No documento enviado ao procurador-geral, os promotores relatam que núcleos do Gaeco obtiveram com outras fontes informações sobre os planos para matar Lourival Gomes, que ocupa a pasta da Administração Penitenciária desde 2009, e do deputado Coronel Telhada. Em 2010, Telhada era comandante das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) quando o PCC tentou matá-lo. Os bandidos dispararam 11 tiros contra o policial, que conseguiu escapar. Na época, a tropa comandada por Telhada era responsável por algumas das principais ações contra a facção no Estado.

Fonte: As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Suspeito é preso duas vezes em 60 dias por porte ilegal de arma de fogo

O conduzido quebrou o celular provavelmente para esconder informações da PM

Policiais Militares da Rádio Patrulha, em Balsas realizavam rondas pelo bairro Açucena quando avistaram Evaldo Resende Machado, 31 anos, em atitude suspeitas. A PM fez abordagem e localizou um revólver Calibre 38 n° JA258702.
Material apreendido com o suspeito (Foto da PM)
Evaldo quebrou o celular que usava para esconder alguma informação da PM. A aproximadamente dois meses Evaldo foi preso portando outra arma de fogo e mais uma vez ele se encontra a disposição da justiça.
Polícia Militar para Servir e Proteger. Comando do Policiamento de Área do Interior – CPAI 6 – Sul do Maranhão – 4º Batalhão de Polícia Militar.

Jovem morre após sofrer descarga elétrica em Vargem Grande

O adolescente L. de S. S, de 16 anos, morador na rua Tomas de Aquino, S/N bairro Santo Antonio em Vargem Grande, morreu eletrocutado no início da manhã de hoje 17/12 .

De acordo com informações colhidas junto a testemunhas que se encontravam no local onde o corpo foi achado, o proprietário da residência e pai do adolescente, conhecido como Claudio do Coco, vinha com muita frequência sendo roubado em sua residencia. Por esse motivo energizou o portão da área externa que dá acesso a residência e nessa manhã esqueceu de desligar a armadilha, e quando Leandro tentou entrar, morreu pregado ao portão.

Durante toda manhã, familiares e amigos tentaram entrar em contato com o pai do adolescente sem obterem êxito. Segundo familiares, Claudio saiu para trabalhar mas não disse onde.

O adolescente era pessoa que gozava de estima da população, não era chegado a vícios nem baderna e na Igreja Católica exercia a função de coroinha. A polícia militar esteve no local e instruiu aos familiares para que encaminhassem o corpo para o hospital municipal para os exames de praxe.

Candidatas a Miss Raposa visitam plenário da Câmara Municipal de Raposa

Ao final dos trabalhos de encerramento do ano letivo  nesta Casa Legislativa, no início da tarde desta sexta-feira (14), o plenário teve um brilho diferente. A atual Miss Raposa, Aradi Amorim, e as seis candidatas ao posto da mais bonita do município foram recepcionadas pelo presidente Beka Rodrigues e os demais colegas de parlamento, dando um toque de beleza e descontração ao ambiente.
O concurso de Miss Raposa será disputado entre Luana Alves, representando o bairro do Porto do Braga, Flávia Rodrigues (Alto do Farol), Rebeca Sardinha (Cacarape), Lana Alcântara (Boa Esperança), Jheanny Ramos (Vila Bom Viver), Andressa Vilar (Juçara) e Karen Florêncio (Jardim das Oliveira), Lauricéia Carvalho (Maresia).
O certame é organizado pelo Click Raposa, que aglutina um grupo de estudantes de Publicidade e Propaganda, sob a coordenação dos universitários Luana Rodrigues e Paulo Eduardo Viana. A disputa acontecerá no próximo dia 21, a partir das 19 horas, no Restaurante Porto Raposa.
Os vereadores se prontificaram a dar apoio à candidata vencedora, que irá representar a cidade de Raposa no Miss Maranhão 2019. De acordo com o presidente Beka Rodrigues, “a Raposa estará muito bem representada no  concurso estadual, uma vez que todas as concorrentes aqui estão à altura dessa disputa, uma vez que se destacam pela beleza, simpatia e carisma”,  pontuou.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

Câmara de Raposa aprova concessão do título de Cidadão ao juiz Osmar Gomes dos Santos

Por unanimidade, a Câmara Municipal de Raposa aprovou, na manhã desta sexta-feira (14), o projeto de resolução de autoria do presidente daquela casa legislativa, Beka Rodrigues (PC do B), concedendo título de cidadania ao juiz de direito da Comarca de São Luis,  Osmar Gomes dos Santos.

Em sua justificativa, Beka Rodrigues destaca que Osmar Gomes tem relevantes serviços prestados à comunidade de Raposa, levando-se em conta que foi juiz eleitoral de Paço do Lumiar, e  Raposa,  executando um trabalho marcado pela lisura, imparcialidade e responsabilidade.

O vereador ressalta ainda que a fascinante história de vida do magistrado justifica a concessão da cidadania. De origem humilde, nasceu na cidade de Cajari, filho do lavrador José Basílio dos Santos e da doméstica Maria Gomes dos Santos. Ficou órfão de pai, ainda muito criança e, aos 9 anos, foi  para São Luis, onde atuou como jornaleiro, flanelinha, vendedor de pão cheio e ajudante de pedreiro.

Beka ressalta ainda: “Ele  rompeu as barreiras da pobreza com muito estudo e dedicação. Estudou em escolas públicas e cursou Direito na Universidade Federal do Maranhão. Foi depois professor do Centro Caixeiral e do Colégio Pentecostal Cândido Rodrigues e foi advogado do Bradesco na Regional Maranhão/Piauí. Foi aprovado ainda em concurso para delegado de Polícia Civil chegando aos cargos de assessor chefe da Secretaria de Segurança e Coordenador de Polícia Especializada”, afirmou Beka Rodrigues.

O presidente da Câmara assegura ainda que o juiz tem uma carreira marcada pela superação e pelo brilhantismo.  “Ele ocupou vários cargos de destaque na vida pública, a exemplo da Chefia de Gabinete e de Procurador-Adjunto da Câmara Municipal de São Luis. Hoje, ele é titular da Primeira Vara do Tribunal do Júri da Capital, já tendo sido diretor do Fórum Desembargador Sarney Costa, Foi, também, membro substituto do Tribunal Regional Eleitoral. Como podemos observar, é uma biografia irretocável”, afirma Beka Rodrigues.

Na concepção do presidente da  Câmara de Raposa, Osmar Gomes, que é pós graduado em Administração e Direito Civil, Direito Processual Civil,Direito Penal e Processual Penal, Direito Eleitoral e Direito Constitucional, e doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Del Museo  Social Argentino e faz mestrado em Garantismo e Processo pela Universidade de Girona, na Espanha, é um exemplo de luta e desprendimento”, acentua.

 “O juiz Osmar Gomes é um exemplo de luta, de dedicação e de superação.  Ele é também escritor, com obras lançadas nas áreas do Direito Eleitoral e de poemas. Atualmente, é articulista do jornal O Imparcial e membro das Academias Ludovicense de Letras, Maranhense de Letras Jurídicas e Matinhense de Ciências, Artes e Letras e integra a Associação Brasileira por um planeta Verde”, acrescenta Beka Rodrigues.

Finalizando, Beka Rodrigues diz que o magistrado reúne todos os atributos que o colocam como merecedor de tal distinção, revelando que Osmar Gomes reside em Raposa, no Jardim das Oliveiras. “A Raposa se sente orgulhosa em poder ter como conterrâneo, tão brilhante e ilustre figura, afirmou.
 

quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

6º BPM – GRUPO TÁTICO MÓVEL DESARTICULA PONTO DE DESMANCHE DE MOTOCICLETAS ROUBADAS EM SÃO JOSÉ DE RIBAMAR

Na última terça-feira, 11, o Grupo Tático Móvel do 6º BPM, foi informado via Centro Integrado de Operações de Segurança – CIOPS de um roubo de uma motocicleta no bairro do Maiobão, por volta das 20:00 horas na localidade.
Ao chegarem no local, a guarnição recebeu informes da vítima que contava com o apoio do rastreador veicular e apontava a área do Turiúba como indicação de onde estaria a moto.
Na rua Walter Souza em São José de Ribamar a motocicleta foi localizada além de uma outra de placa LWD 5564, nos fundos do quintal dessa residência, ambas em situação de desmanche.
No interior da casa a polícia encontrou José Fernandes Sousa, de 30 anos, proprietário do domicílio, que confessou ter participação no roubo e Elderfran Rocha Paixão, de 33 anos, que ajudava no desmanche das motocicletas, além de ferramentas utilizadas na ação criminosa.
Ainda em buscas pela residência com autorização do dono, foi encontrado dentro do aparelho de descarga do banheiro uma arma de fabricação artesanal do tipo garruncha.
A dupla foi autuada por roubo qualificado pelo concurso de pessoas e apresentados na Delegacia Especial do Maiobão.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

SSP APRESENTA BANDIDOS DO ASSALTO AO BANCO DO BRASIL EM BACABAL



AÇÃO CONTUNDENTE DA POLÍCIA MILITAR DO MARANHÃO CONTRA ASSALTANTES DE REALIZAREM ATAQUE EM BACABAL, RESULTA EM 03 CRIMINOSOS MORTOS, 11 FUZIS APREENDIDOS E 10 CRIMINOSOS PRESOS

O Secretário de Segurança Pública do Maranhão Jefferson Portela e o Comandante Geral da Polícia Militar Jorge Allen Luongo realizaram uma coletiva à imprensa, para esclarecer acerca da prisão de uma quadrilha no município de Santa Luzia do Paruá. Na ação que envolveu Policiais Militares resultou em um confronto de grandes proporções nesta segunda-feira (03), onde aconteceu a apreensão de 11 fuzis, dentre eles duas pontos 50, na prisão de 10 criminosos e 03 mortos. Eles são suspeitos de envolvimento no assalto ao banco de Bacabal. Fora apreendido diversos malotes e sacos em dinheiro, ainda não contabilizado.
A ação policial contra os criminosos aconteceu no final da noite desta segunda-feira (03), quando o condutor de um caminhão baú não obedeceu a ordem de parada dos policiais Militares na região de Santa Luzia do Paruá. Houve uma perseguição procedida de trocas de tiros, onde três dos suspeitos tombaram. O confronto continuou, com os demais criminosos que estavam no interior do caminhão baú. Com a chegada do reforço de demais unidades da Polícia Militar, o restante do bando em um total de 10 criminosos, teriam resolvido se entregar.
Durante a coletiva no Auditório da Secretária de Segurança Pública, o Secretário de Segurança Jefferson Portela abordou acerca da ação da Polícia Militar, “As perseguições continuaram desde o dia do ataque ao anexo do Banco do Brasil em Bacabal. Foram intensificadas barreiras e realizado um cerco alongado na zona rural, na busca aos criminosos. Uma das nossas suspeitas, que ainda está sendo investigado, é que consideramos que sempre há um apoio local, para dar guarida aos criminosos. Esta questão ainda está sendo investigada. 
No final da noite desta segunda-feira (03), os suspeitos foram abordados no interior de uma carreta e não obedeceram a ordem de parada para revista. Responderam com disparos de armas de fogo, onde iniciou a troca de tiros. Houve uma continuada perseguição, onde três dos criminosos tombaram e vieram a óbito. Houve ainda uma intensa troca de tiros, por conta do restante do bando que estava no interior do caminhão. Com três dos criminosos mortos e o grupo cercado, os bandidos resolveram se entregar”, afirmou.
O Secretário de Segurança Pública Jeferson Portela ressaltou ainda, “Que este era o único caminho que restava para os criminosos após terem realizado o ataque criminoso contra a agência bancária de Bacabal. Após o confronto, com o saldo de 03 criminosos mortos; 10 bandidos presos, 11 fuzis, dentre eles, 02 duas metralhadoras calibre .50, armamento este usada em artilharia antiaérea e com capacidade de perfurar um carro forte. Foram apreendidos ainda, 17 coletes apreendidos. Além de cerca de 449 munições de calibre 55,6. Policiais da região e funcionários do Banco do Brasil ainda estão contando o valor em dinheiro, sendo já contados, cerca de 40 milhões.
Durante a coletiva à imprensa, o Comandante da Polícia Militar, o Cel. Jorge Allen Luongo ponderou” A ação continuada do sistema não desistiu de perseguir os criminosos, esta insistência foi a responsável pela prisão dos criminosos. Após o pedido dos policiais, para que eles parassem na barreira, o grupo criminoso ultrapassou a barreira, usando o caminhão baú. Houve troca de tiros e três do grupo vieram a óbito. O caminhão fora cercado e após o reforço dos policiais, eles se entregaram.
Apreensões de armamentos, dinheiro e coletes balísticos
Durante a ação da Polícia Militar foram apreendidos armas e munições, os quais estavam em poder dos criminosos. Foram apreendidos 11 fuzis, dentre eles, duas metralhadoras de calibre ponto 50 (artilharia antiaérea), 17 coletes balísticos. Após a identificação dos criminosos foram revelados os nomes dos suspeitos mortos: Arthur Silva Santos; Vadenilson Moreira; José Eduardo Zacarias e Renan Santos dos Prazeres. Foram presos ainda, os acusados Geilsimar Venâncio de Oliveira (Sardinha); Alexandre Gomes de Moura; Wagner Cézar de Almeira; Robson Cezar Ferreira; George Ferreira Santos (Capenga) Ricardo Santos de Sousa (Ricardinho). Este usava também o nome falso de Pablo da Silva Gomes); José Eduardo Zacarias Barbone; Giliolii Luís (Paranã); Valdeir Carvalho dos Santos (Velho e ou Coroa) e Fábio Batista de Oliveira (Bardal).
Após a prisão dos criminosos e verificação dos dados, os presos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Zé Doca, onde será realizado os procedimentos legais, e depois encaminhados para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Durante a coletiva, estiveram presentes na mesa de autoridades, O Delegado Geral de Polícia Civil, Leonardo Diniz, e o Delegado Adjunto Operacional da Delegacia Geral, André Gossain. A coletiva contou ainda com a presença de diversos profissionais da imprensa, policiais civil, militares e funcionários da SSP.

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

PREFEITURA DE RAPOSA REALIZA AÇÃO SOCIAL NA SEDE DOS PESCADORES DO ARACAGI

O município de Raposa mais uma vez sai à frente com ações em todas as áreas. 

Por meio da Secretária de Pesca, Saúde, Assistência Social, Turismo, Agricultura e Meio Ambiente, e em parceria com a Universidade Pitágoras e com a escola técnica "Tudo fácil cursos", a prefeitura realizou uma ação social na sede dos pescadores do Aracagi, no sábado, 1 de dezembro, com diversos atendimentos para toda a comunidade local e, especialmente, para os pescadores.

Envolvidos em assalto na agência bancária em Bacabal são presos


Segundo a polícia, 13 homens foram presos, três morreram e três ficaram feridos durante abordagem policial que ocorreu na noite de Segunda-feira(3), em Santa Luzia do Paruá.


A Polícia Militar prendeu, na noite de segunda-feira (3), treze homens suspeitos de estarem envolvidos com a quadrilha que assaltou o Banco do Brasil, ocorrido no último dia 25 de novembro em Bacabal. Ainda segundo a polícia, três suspeitos morreram e três ficaram feridos durante a ação policial no município de Santa Luzia do Paruá, a 370 km de São Luís.

De acordo com a polícia, os suspeitos estavam em quatro carros, renderam o motorista de uma carreta às margens da BR-316 e o levaram para uma estrada vicinal. Após a ação, os criminosos entraram na carreta e colocaram parte do dinheiro roubado do banco. Posteriomente, juntamente com o motorista, seguiram para Santa Luzia do Paruá onde foram abordados pelos policiais.

Ainda segundo a polícia, houve troca de tiros na ação e os suspeitos afirmaram que iriam resgatar parte do bando que participou do ataque em Bacabal.
Três mortos
Durante a prisão, a polícia apreendeu armas e munições que estavam em poder dos criminosos, além de malotes com cédulas que os policiais acreditam pertencer a agência do Bando do Brasil de Bacabal. Não foi divulgado o valor recuperado.
Os presos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Zé Doca, a 302 km de São Luís. Eles serão transferidos ainda nesta terça-feira (4) para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas, na capital.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

MULHER QUE SIMULOU O PRÓPRIO SEQUESTRO É PRESA PELA POLÍCIA CIVIL

Na noite da última quinta-feira (29), a Polícia Civil, por intermédio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais -SEIC, prendeu em flagrante delito Maria Aparecida Cardoso, conhecida como “Gleyce”, de 31 anos de idade, acusada de simular o próprio sequestro atribuindo o crime a uma ex-namorada do seu companheiro.
Segundo as investigações, “Gleyce’” já havia registrado duas ocorrências falsas de ameaça e roubo, além de relatar também ao companheiro o furto eletrônico de sua conta bancária. Na última quinta-feira, a autuada chegou a enviar fotografias suas supostamente inconsciente, com textos ameaçadores, passando-se pela antiga namorada, o que fez o marido acionar a Polícia Civil para investigar o possível caso de sequestro.
Por ter dado causa à instauração de investigação policial, a autora irá responder pelo crime de Denunciação Caluniosa, previsto no art. 339 do Código Penal Brasileiro, que prevê uma pena de até oito ano de prisão, e após as formalidades legais, será encaminhada ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde permanecerá à disposição da Justiça.

FORÇAS DE SEGURANÇA DO MARANHÃO PARTICIPAM DE REUNIÃO TÉCNICA DA SENASP EM BRASÍLIA

Integrantes das Forças de Segurança do Estado do Maranhão participaram da reunião técnica do programa nacional de qualidade de vida dos profissionais da segurança pública promovido pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), ocorrido em Brasília, entre os dias 20 a 23 de novembro. Onde nestes, quatro dias, estiveram reunidos mais de 100 representantes das Secretarias de Segurança Publicas, Policia Militar e Cívil, Corpo de Bombeiros, bem como Perícias Oficiais dos 26 estados da federação, além do Distrito Federal. O evento contou com a presença do Ministro da Defesa, Raul Jungmann.

Na ocasião, a Polícia Civil do Maranhão esteve representada pela Delegada Noêmia Maia Maciel, acompanhada pela Perita Criminal Gislen Georges Mendes Pinheiro e pela Psicóloga da Secretaria de Segurança Pública, Alice de Freitas Calixto. Também participou do evento, o Subdiretor da saúde da Polícia Militar do Maranhão, Odilon Antônio Rios Mariz.
A Reunião teve como objetivo promover tratativas a fim de valorizar o profissional de Segurança Pública, reduzir os riscos de morte e atuar na prevenção da saúde desses profissionais durante o exercício de suas atribuições diárias, bem como elaborar documentos que serão utilizados pela rede dos profissionais que serão responsáveis pela execução Nacional do Programa de Qualidade devida. 
Os servidores presentes participaram da criação da Portaria de Regulamentação do Programa Pró- vida, da rede de qualidade de vida, do Regimento interno da rede e da coleta de informações para a elaboração de futuros editais de convênios voltados ao investimento federal em ações de promoção de valorização e da saúde.
Conforme, a Psicóloga, Alice de Freitas Calixto, a reunião foi de suma importância, bastante proveitosa e novas perspectivas se abrem a partir de agora. Ressaltando a importância do evento para a elaboração de projetos e estudos que contribuem para o bem-estar dos servidores, bem como para reduzir os riscos de morte e atuar na prevenção da saúde desses profissionais durante o exercício de suas atribuições, que tanto nos protegem e zelam pela nossa segurança e bem-estar. 

“A prevenção é a melhor maneira de evitar sequelas ou a morte precoce de nossos servidores em geral, uma vez que o estresse próprio da profissão é um fator de risco para o desenvolvimento de várias doenças.” Frisou.

Reviravolta no caso do cantor sertanejo que sequestrou mão e filha e foi preso em São Luís

O caso ganhou repercussão nacional depois que saiu em várias emissoras de TV e sites na internet sobre o sequestro de Tainá Queiroz, 18 anos, e a filha dela, Sofia Helena Silva, de apenas oito meses. Elas moravam em Pilar do Sul, São Paulo, mesma cidade onde estava residindo temporariamente o cantor.
O marido de Tainá,  Raul Kennedy da Silva, 19 anos, registrou queixa na delegacia desde o dia 3 de novembro passado  quando chegou de viagem e soube que sue patrão havia sequestrado sua esposa e a filha. Ele estava trabalhando para o sertanejo tem uns três meses.
A preocupação de Raul aumentou quando descobriu que o ex-patrão era procurado pela polícia de alguns estados por estelionato. O cantor aplicava o golpe do amor em suas vítimas, geralmente mulheres descasadas e ricas com a promessa de casar com elas e sempre levava vantagens financeiras.
Com a prisão dele, veio à tona a verdade que nem os familiares de Tainá desconfiavam: ela estava tendo um caso com o sertanejo e decidiu fugir com ele, desmontando a história de que havia sido sequestrada.
Aos programas de TVs, Tainá alegou que estava passando necessidades com a filha e que o marido a traia, além de espancá-la. Raul nega tudo e disse que quer apenas tomar a filha, com o que não concorda a mulher.
O cantor diz que a ama e que vai se entregar para a Justiça e responder pelos crimes de estelionato e vai dedicar sua vida para a nova família, como mostra o vídeo abaixo:
Fonte: Luis Cardoso

Família a base de tudo

Família. Palavra que pode englobar outros conceitos, relativos não a seres humanos, mas coisas, animais, etc. Apanhando as definições vocabulares encontra-se que família é conjunto de pessoas, em regra, ligadas por laços de parentesco, que vivem sob o mesmo teto. Ascendentes, descendentes, colaterais e afins de uma linhagem. Do mesmo sangue ou não, ligadas entre si por casamento, filiação ou adoção.
Seguindo o conceito mais estrito, permito-me discorrer sobre a importância da família para a sociedade. O sucesso de um “homem” está diretamente relacionado com os laços de parentesco que este constrói em sua trajetória. Não falo do sucesso enquanto posse de bens ou status social. Vejo que o sucesso está intimamente ligado ao conceito de felicidade, estado de espírito e congraçamento, coisas que não possuem relação direta com posses materiais.
Crescer em uma família harmoniosa, sob a batuta dos bons valores e costumes é condição primeira para se alcançar essa tal felicidade. Nesse quesito, afirmo que fui um felizardo ao ter como referências pai – ainda que por pouco tempo de vida –, mãe e meus irmãos mais velhos que souberam conduzir os rumos dessa instituição social.
Sob um permanente e árduo regime de trabalho, estudos e manutenção de valores, construímos uma família sólida. Sempre havia tempo para as conversas e, hoje, não falta uma mão estendida para aquele que precisa. Solidariedade e amor ao próximo é algo que praticamos desde a tenra idade. Por essa razão afirmo que a família é base para uma sociedade melhor.
Trago este contexto familiar – embora sempre reservado quanto a essa exposição – devido à importância do tema para o momento que vivemos. Uma era de relações frágeis e voláteis, muitas delas construídas sem o alicerce que deve manter de pé a família, que por sua vez é o núcleo mais importante para uma sociedade em equilíbrio.
Atualmente é comum constatar a “terceirização” da educação dos nossos filhos para as escolas, para as televisões, para os desenhos, para as redes sociais e, na pior das hipóteses, abandonamos à própria sorte sob as regras das ruas.
O ensinamento pode ser para o bem ou para o mal, a depender do contexto em que as lições são repassadas e aprendidas. Discussões acerca da pureza do coração humano se arrastam até nossos dias tendo como debate central a questão se o homem é bom ou mau por natureza. Prefiro a linha que defende o homem como um ser bom, moldado conforme o contexto social no qual ele cresce.
Nesse sentido é que destaco o papel da família na educação dos filhos e no fortalecimento dos laços de parentesco. Educar não significa ser benevolente em tudo, mas ter um propósito em todos os atos. Este propósito deve estar intimamente ligado ao desejo de querer o melhor para nossos filhos e, assim, educá-los com amor para uma vida honrada e de respeito ao próximo.
Infelizmente, sem pretender generalizações, o que se vê é o contrário disso. Por um lado há escassez de tudo, de bens materiais a amor; enquanto noutros lares há todos os aparatos tecnológicos de última geração, mas também falta o amor. Em ambos os casos observo concessões de forma ilimitada ao se dar tudo que os filhos querem, não se diz não, não se impõe limites, apenas deixa-se fazer o que cada um bem entende. Parece ser mais cômodo.
Não pretendo ser determinista, mas o resultado de uma geração criada sem limites prenuncia uma atmosfera social em perfeita desarmonia. Isso porque vivemos em um país sob a égide da democracia, que por sua vez pressupõe o gozo dos direitos e o cumprimento dos deveres. Estes últimos não se sobrepõem, convivem de forma harmônica, cada um no seu momento.
Embora avancemos tecnologicamente, a ponto de querer lograr a denominação de país desenvolvido, receio que este ainda é um ideal minimamente longe de ser alcançado. Como se pode querer que uma nação seja desenvolvida quando vemos irmãos se voltarem contra irmãos, filhos contra pais, parentes contra parentes. Núcleos familiares dilacerados.
Retomo meu raciocínio inicial para estabelecer o paralelo pretendido. Só será possível construir uma sociedade melhor a partir da edificação familiar, sendo esta capaz de promover valores para uma nação justa, fraterna e igualitária. O respeito ao próximo, ao meio ambiente, às regras de convivência são pressupostos.
Limites são necessários para formar uma geração que não se deixará frustrar diante dos obstáculos, mas os enfrentará com a cabeça erguida. Assim como permitirá o resgate de valores éticos e morais que possibilitem o respeito àqueles ditos familiares, da mesma forma que garantirá o respeito ao próximo indistintamente.
Aprendi um lição sempre dita por minha mãe: educação vem de berço! Frase que certamente todos já ouviram ou vão ouvir em algum momento de suas vidas. E esse berço nada mais é do que a família. Aquela que nos abraça desde o primeiro sopro divino e nos guia para a vida.
De fato, dificilmente se alcançará uma sociedade perfeita, talvez nem o mais utópico dos filósofos tenha acreditado que isso seria possível. Também não creio que sejamos “lobos dos homens”, como pensava o filósofo mais cético. Mas é possível, a partir do seio familiar, repensarmos o Brasil que queremos para nosso futuro.
Incorporei desde cedo que aquilo que se aprende no núcleo familiar não se perde com o tempo, tende a se fortalecer. A medida que praticamos o bem, a comunhão, a irmandade, tornamos a nossa casa melhor e, consequentemente, podemos contagiar a rua, o bairro, a cidade, o país. O ambiente familiar com fortes laços tende a ser mais feliz e a felicidade é contagiante e faz bem a  quem transmite e a quem recebe. São valores que contribuem para o bem estar social.
Por:Osmar Gomes dos Santos 
*Juiz de Direito da Comarca da Ilha de São Luís. Membro das Academias Ludovicense de Letras; Maranhense de Letras Jurídicas e Matinhense de Ciências, Artes e Letras.