quarta-feira, 20 de março de 2019

FONASC.CBH SE REUNE COM SECRETÁRIO DE MEIO AMBIENTE


A vice-coordenadora nacional do Fonasc.CBH, Thereza Christina Pereira Castro e a conselheira nacional de recursos hídricos, Anacleide Andrade estiveram na manhã desta terça-feira, 19, reunidas com o secretário estadual de meio ambiente, Rafael Carvalho Ribeiro. Participaram ainda do encontro dois assessores do Fonasc.CBH e a assessora da SEMA, Liene Soares.

Na pauta da reunião, Thereza Christina apresentou as demandas dos Conselhos Estaduais de Recursos Hídricos (CONERH) e de Meio Ambiente (CONSEMA), além dos assuntos pertinentes a Comissão Interinstitucional de Educação Ambiental (CIEA-MA).

A coordenadora falou das instâncias de gestão nos colegiados contando as lições aprendidas, resgatando os grandes desafios de ambas as políticas como o Plano Estadual de Recursos Hídricos, o Fundo Estadual de Recursos Hídricos, a criação de CBH’s como o Itapecuru, a participação ativa do Maranhão dentro do CBH Parnaíba, dentre outros.

Ela também expôs os desafios do Fonasc.CBH para o exercício da representação, quando vinha sendo impedido de participar das reuniões do conselho, trazendo prejuízos para o segmento da sociedade civil, bem como as perspectivas futuras. “Viemos aqui para apresentar uma agenda propositiva de ações em comum e demonstrar nossa preocupação quanto a nossa participação na governança de ambas as políticas, ou seja, se para participar da gestão das duas políticas vai ter que judicializar as propostas vindas dos colegiados ou se vai ser repactuado o papel de atuação da SEMA e do Fonasc.CBH”, indagou Thereza Christina.

A conselheira Anacleide, aproveitou o momento para questionar como certos funcionários da secretaria de meio ambiente adquirem “super poderes” para agir à frente dos órgãos colegiados, CONERH e CONSEMA.

Após ouvir atentamente toda a explanação do Fonasc.CBH, o secretário informou que pretende concluir o Plano Estadual de Recursos Hídricos e fortalecer os Comitês de Bacias Hidrográficas. “Estes são meus compromissos, pois queremos finalizar o Plano e criar os Institutos para dar mais suporte técnico para a questão da água e do meio ambiente”, disse.

Ao finalizar a reunião, o Fonasc.CBH acredita que um novo cenário está posto, diante de um novo gestor, profissional da área, que sabe ouvir e mostrando-se um homem público comprometido com os paradigmas da modernidade, da transparência, da descentralização e da participação da sociedade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.