quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Carreata Literária mobiliza o bairro do Coroadinho

A I Carreata Literária realizada neste sábado, 23, movimentou o bairro do Coroadinho, levando às ruas crianças, jovens e adultos. Promovida pela biblioteca comunitária Monteiro Lobato, a carreata começou às 15h com a concentração na Rua da Estrela, passando pela praça do Viva e chegando na praça Nossa Senhora do Carmo, onde jovens e adultos puderam participar das dinâmicas, leituras e oficinas proporcionadas pelo evento.
O Fórum Nacional da Sociedade Civil nos Comitês de Bacias Hidrográficas (Fonasc.CBH) foi uma das entidades que apoiaram o evento, proporcionando roda de leituras e distribuição de doces para as crianças, com apoio dos estudantes de jornalismo do CEUMA. “O Fonasc sente mais uma vez que está cumprindo a sua missão com públicos distintos, desde crianças até pessoas mais velhas. Nós só temos a agradecer pela parceria”, explicou a vice coordenadora do Fonasc.CBH em São Luís, Thereza Cristina Pereira Castro.

Durante a carreata, o Fonasc.CBH apresentou à comunidade o seu projeto em educação ambiental: Comitê Infanto Juvenil da Bacia Hidrográfica do Rio Jeniparana (CIJBHRJ). A presidente do Comitê Infanto Juvenil, Ananda Castro, de 11 anos, disse que estar à frente do projeto inclui a representatividade de todos na preservação do meio ambiente. “Participar da carreata foi muito legal, divertida e espero que tenha mais vezes”, completou.
Para a organizadora do evento e gestora da biblioteca Monteiro Lobato, Leal Pinheiro, o intuito da carreata literária foi de incentivar o hábito da leitura e chamar mais pessoas para dar visibilidade a biblioteca, colocando um universo de informações à disposição da comunidade.

ANIVERSARIO DO DJ ELETRO JHON

O produtor musical e DJ mais descolado da cidade de Raposa, Eletro John, realiza mais uma festa de aniversário no dia 01 de dezembro.Entretanto, para não passar o aniversário em branco, o DJ reunirá um grupo de amigos no Oásis Bar no final do porto na feira da Raposa.
A festa vai começar a partir das 10:00 h. Da manhã com o tema, Praia, Mar e onda um dia e uma noite no Lual,e ás seguintes atrações:

DJ JORGE HOSTS
DJ MAQUIQUINHO
DJ MIRO MIX
MC DLUCA
DJ FOGUINHO
DJ Wanderley

terça-feira, 26 de novembro de 2019

Flávio Dino reunirá 12 governadores em São Luís esta semana

Nos dias 27 e 28 de novembro, São Luís recebe gestores dos noves estados em que há ocorrência de vegetação amazônica para o 19º Fórum de Governadores da Amazônia Legal. Já nos dias 28 e 29 de novembro, é a vez dos governantes das unidades federativas que compõem o chamado Consórcio Brasil Central aportarem em São Luís para a 21ª edição do Fórum de Governadores do Consórcio Interestadual para o Desenvolvimento do Brasil Central.
19° Fórum de Governadores da Amazônia Legal
O 19° Fórum de Governadores da Amazônia Legal será realizado no Hotel Grand São Luís e no Palácio dos Leões, nos dias 27 e 28 de novembro, reunindo governadores, secretários de estado e técnicos dos nove estados que compõem a região (Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins).
Goiás, , Mato Grosso do Sul, e do Distrito Federal.
Em pauta, temáticas relacionadas ao desenvolvimento sustentável da região amazônica, clima e políticas sociais.
Na quarta-feira, 27/11, câmaras técnicas com secretários dos nove estados da região da Amazônia Legal debatem temas como segurança, saúde, planejamento e educação. Após essas reuniões prévias, na manhã da quinta-feira, 28/11, segundo dia de atividades, o resultado dos trabalhos técnicos será analisado pelos governadores dos nove estados.
Acesse o site www.ma.gov.br/19forumamazonialegal para conferir a programação completa do 19° Fórum de Governadores da Amazônia Legal.
21º Fórum do Consórcio Brasil Central
Também na quinta-feira, 28/11, a partir das 14h, será iniciada no Palácio dos Leões, a programação do 21º Fórum de Governadores do Consórcio Interestadual para o Desenvolvimento do Brasil Central. Além do governador Flávio Dino, o evento contará com a participação dos governadores dos estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Tocantins e do Distrito Federal.
Autarquia da espécie associação pública que integra a administração indireta, o Consórcio Brasil Central (BrC) foi criado para promover ganho de competitividade por meio da cooperação técnica capaz de formular projetos e políticas regionais, estabelecer parcerias, captar recursos e desenvolver soluções de problemas de forma conjunta.
A ideia é que até 2028 a região do Brasil Central seja a mais integrada e com maior índice de desenvolvimento sustentável da América do Sul.

terça-feira, 5 de novembro de 2019

O secretário Jefferson Portela e a incrível redução de 70 % no número de homicídios na Grande São Luís


O Secretário Jefferson Portela está gravando em sua biografia e de toda sua equipe, um verdadeiro colegiado de especialistas, uma irrepreensível história de reformulação da segurança pública, um exemplo de como vontade política e boas intenções sociais podem modificar o panorama mais infenso em áreas destacáveis da administração pública.

Vivemos aqui dias terríveis, até que ele assumisse a direção do Sistema Estadual de Segurança e doasse sua experiência de policial civil, além de uma irrefutável sinceridade ideológica, à segurança pública do Maranhão.

É quase incrível que tenhamos atingido uma redução de 70 % no número de homicídios depois de tudo o que vivemos, em somente 5 anos do governo Flávio Dino, apaziguando o martírio diário das populações urbanas, muito especialmente da Grande São Luís. E isso ocorreu com o preparo antecipado das forças sob seu comando, sem que houvesse qualquer exacerbação das ações policiais. Reduziram-se também os registros de homicídios cometidos por agentes públicos das polícias civil e militar.

No Maranhão, o povo não tem que assistir à constância do terror de escaramuças sanguinárias, como acontece em outros estados, em que algumas comunidades se movem entre os disparos dos bandidos e os disparos da polícia. Não se busca aqui achar a arma de fogo de onde partiu a bala perdida quase sempre encontrada nos corpos de inocentes cidadãos.

Dificilmente haverá, no Brasil, resultados pelo menos similares de contenção do avanço da criminalidade, à proporção obtida nesse Estado.
No ano de 2016, ouvi o governador Flávio Dino dizer, durante solenidade de entrega de viaturas em frente ao Palácio dos Leões, que aquele seria o ano da segurança no Maranhão.

E, a partir daí, fez exatamente o que disse, investindo, como jamais foi feito, nos mais diversos setores da segurança pública, até que se modificasse por completo uma realidade grotesca de mais de 700 homicídios anuais e se libertasse São Luís e o Maranhão da supremacia do crime organizado, de estatísticas hegemônicas de latrocínios e assaltos a bancos e pudéssemos ser, hoje, um exemplo para todo o país.

Não há notícias de uma redução tão drástica de homicídios em outra capital do Brasil; não há, em outros estados, informações de que crimes de latrocínio tenham sido zerados, como aconteceu mais de uma vez sob a gestão de Jefferson Portela; não há quem possa apontar, na História, momento melhor na segurança pública do Estado.

Jefferson Portela de fato, planejou com sua equipe e implementou uma política de segurança totalmente diferenciada e que pôs fim ao estágio de verdadeiro terror vivido no Maranhão.

RAPOSA: PREFEITA TALITA LACI ENTREGA KITS PARA PEQUENOS AGRICULTORES DO MUNICÍPIO


Na manhã desta terça-feira, 05/11/2019, a Prefeitura de Raposa, através da Secretaria de Agricultura, entregou aos agricultores da agricultura familiar vários  kits. A entrega aconteceu na Secretaria de Agricultura do município, que contou com a presença de vários vereadores, secretários, lideranças comunitárias e a população em geral. 

A prefeita Talita Laci no ato da entrega ressaltou os benefícios que os kits podem trazer para agricultura familiar do nosso município: “A irrigação vai melhorar a renda da família, nesta época de escassez de água, a plantação com irrigação melhora a renda de vocês, e vai agregar valores aos produtos e melhorar o bem estar da família.
"A entrega desses kits é resultado de muito trabalho, atendendo  a demanda dos nossos agricultores principalmente da  agricultura familiar, gerando assim emprego e renda para essas famílias, colocando mais alimentos na mesa do produtor e o excedente sendo comercializado. Os kits entregues  irá beneficiar muitos agricultores e poderão ser usado na plantação de hortaliças, e em qualquer outra atividade que o agricultor vê como renda para sua família", finalizou Talita.

Por: Gilberto





3 ANOS DE AÇÃO – Com trabalho e determinação, Delegado Marconi Caldas reduz criminalidade em 80% na Raposa

No próximo dia 10 de novembro (domingo), o município de Raposa, na Região Metropolitana de São Luís, estará completando 25 anos de emancipação política. E em seu ‘jubileu de prata’, a “cidade caçula” da Ilha ganha como presente, um acentuado percentual na redução da criminalidade, algo em torno de 80%, se comparado o ano de 2019 com 2016.

Tudo isso, graças ao labor incansável e de equipe do delegado Marconi Caldas, titular da Delegacia Especial de Raposa, que está à frente do cargo há três anos. A fórmula para o incontestável quadro positivo na segurança pública é o trabalho em equipe, além da presença constante do sistema policial no cotidiano raposense.
As ações preventivas e ostensivas da Polícia Militar, que dispõe de um destacamento no município somadas com a atuação da Polícia Civil na questão das investigações, investidas de campo e resposta imediata de práticas cometidas por meliantes, tem como resultado, a sensação de segurança para a população residente tanto na sede, quanto na zona rural de Raposa.
Assim, os números apontam brusca redução em crimes como tráfico de drogas, homicídios e tentativas, violência doméstica, estupros e abuso sexual infantil, roubos entre outros. Para o delegado Marconi Caldas, a parceria com a comunidade e o suporte dado pela PM são fatores importantes para o sucesso do seu trabalho. “Sabemos que garantir a segurança das pessoas é a nossa principal missão e obrigação como servidor público, mas é importante frisar que somos ação e emoção, passivos de falhas e é nesse ponto que procuramos nos aperfeiçoar e sermos vigilantes. Não aceitamos falhas e estamos focados em assegurar tranquilidade para as pessoas, bem como dar resposta imediata e positiva, quando o caso requer”, afirmou Marconi Caldas.
Além das características e a maneira de agir relatadas acima, o  delegado enfatiza que o trabalho dedicado de sua equipe é a mais importante das ferramentas para tanto resultado positivo. Vale destacar que mesmo não sendo rotulada como ‘plantão’, desde que Marconi Caldas assumiu a titularidade da Delegacia Especial de Raposa, em períodos festivos como carnaval e Dia de São Pedro (Padroeiro da Cidade) onde a movimentação na cidade cresce consideravelmente, sua equipe de trabalho, formada por quatro agentes policiais e um servidor administrativo, realizam ações plantonistas em regime de reversamento.

Por:  Walkir Marinho               

Gaeco e Polícia Civil prendem envolvidos em esquemas de corrupção em São Luís

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) e a Polícia Civil deram cumprimento a dez mandados de busca e apreensão e a um mandado de prisão temporária, na manhã desta terça-feira, 5, na capital, em razão de decisão judicial da 1ª Vara Criminal do Termo Judiciário de São Luís. A operação ocorreu, após investigação de beneficiamento de celebração de convênios junto a Secretarias Municipais de São Luís, com aplicação de recursos de emendas parlamentares da Casa Legislativa da Capital.
A operação teve como alvos as entidades Instituto Social Renascer e Instituto Periferia, e seus responsáveis legais, Izadora Pestana Rocha e Márcio Rogério Leonardi, respectivamente; os contadores Ney Almeida Duarte, Paulo Roberto Barros Gomes e Neuber Dias Ferreira Júnior e seus respectivos escritórios de contabilidade; e o despachante Márcio Jorge Berredo Barbosa.
As medidas foram requeridas pelo MPMA para evitar a destruição ou ocultação de provas, e para instruir o Procedimento Investigatório Criminal instaurado pela 1ª Promotoria de Justiça Criminal do Termo Judiciário de São Luís, que apura a possível falsificação do Atestado de Existência e Regular Funcionamento, regularmente emitido pelas Promotorias de Justiça de Fundações e Entidades de Interesse Social da Capital.
Segundo as investigações, o Instituto Renascer e o Instituto Periferia acima teriam utilizado o Atestado de Existência e Regular Funcionamento para se beneficiarem mediante a celebração de convênios junto a Secretarias Municipais de São Luís, com aplicação de recursos de emendas parlamentares da Casa Legislativa da Capital.
Paulo Roberto Barros Gomes foi preso temporariamente pelo prazo de cinco dias. Também foram apreendidos computadores e diversos documentos, que serão periciados.
Coordenaram a operação as unidades do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), bem como a Superintendência de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor) e a Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC).

05 DE NOVEMBRO DIA NACIONAL DO ESCRIVÃO DE POLÍCIA







A Delegacia Geral de Polícia Civil do Estado do Maranhão – DG/PC/MA, em parceria com a Academia de Polícia Civil do Maranhão – ACADEPOL, promoverão, na semana de 05 a 08 de novembro de 2019, em comemoração ao dia Nacional do Escrivão de Polícia (05), o lançamento do projeto SEMANA DE VALORIZAÇÃO DO ESCRIVÃO DE POLÍCIA.

A Semana de Valorização do Escrivão de Polícia tem como escopo ressaltar a importância do trabalho cotidiano dos Escrivães enquanto função indispensável à prestação da Polícia Judiciária, sendo estes o instrumento de formalização dos procedimentos policiais necessários à investigação, que consolidam o início da persecução penal, constituindo um relevante valor probatório para o processo judicial, bem como promover o aperfeiçoamento profissional destes servidores com a missão institucional de oferecer serviços de excelência para a sociedade.

Com atribuições específicas e exclusivas, o Escrivão de Polícia realiza diligências e funções de uma esfera de competência própria e insubstituível. Sua missão requer moderação, coragem, sólida formação intelectual e muita sensibilidade humana. Pelas suas mãos o procedimento policial se materializa concretamente. 

Durante a semana, que ocorrerá entre os dias de 05 a 08 de novembro do corrente ano, os Escrivães de Polícia participarão de palestras e cursos de capacitação com enfoque na atividade teórica e prática, além de atualização jurídica, necessárias para o bom desempenho da atividade cartorária.

ESCRIVÃO DE POLÍCIA:
“Os desafios e perspectivas da profissão frente às inovações tecnológicas”