sábado, 20 de julho de 2013

Choque apresenta balanço das ocorrências realizadas pela Operação Tornado neste semestre


O Batalhão de Polícia de Choque (BPC) apresentou nesta sexta-feira (19), os dados estatísticos das ocorrências realizadas entre os meses de janeiro a julho do corrente, em quase todos os bairros da capital maranhense e nos municípios de São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa, através da Operação Tornado.
De acordo com a estatística, os policiais do Batalhão de Choque realizaram prisões, conduções e apreensões de armas de fogo, armas brancas, drogas e veículos, da Cidade Operária à Vila Luizão e do Anjo da Guarda ao Maiobão, passando também pelos bairros: Vinhais, São Francisco, Monte Castelo, Madre Deus e Olho D´Água. Ao todo, eles percorreram mais de 60 bairros.
No balanço apresentado constam 545 conduções, 102 prisões realizadas em flagrante, apreensões de 35 armas de fogo, 153 armas brancas e 55 veículos que foram recolhidos ao pátio do Departamento Nacional de Trânsito (Detran/MA).
Segundo informou o comandante do Batalhão de Choque, tenente-coronel Raimundo Sá, a quantidade de substâncias entorpecentes apreendidas nestas operações, revela uma triste realidade para a população da capital maranhense.
De janeiro a julho, os policiais do Choque apreenderam: 05 quilos, 1.060 papelotes e 01 tablete de 320 gramas de maconha; 01 pedra grande e 1.589 pedras pequenas de crack; 43 trouxas de cocaína; 06 trouxas de merla; 89 frascos de loló.
                Para o coronel Sá, o trabalho realizado pelo Choque nestes últimos 06 meses merece o reconhecimento da sociedade. “Eu valorizo o trabalho desses PM´s porque sei que eles ao saírem de casa colocam em risco suas próprias vidas para defender a nossa sociedade. Ao mesmo tempo, é importante destacar o apoio que temos recebido da comunidade que muitas vezes tem sido uma importante aliada, denunciando ações suspeitas e atos criminosos”
.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gilberto agradece pela sua participação no Blog Voz da Raposa.